20ª JORNADA DA AMIMT

  • Published on
    06-Jan-2016

  • View
    21

  • Download
    0

Embed Size (px)

DESCRIPTION

20 JORNADA DA AMIMT. O Mdico do Trabalho prestando servio a empresas: situaes comuns de isolamento. A origem social das patologias do trabalho impe-nos lidar com responsabilidades complexas. - PowerPoint PPT Presentation

Transcript

  • 20 JORNADA DA AMIMTO Mdico do Trabalho prestando servio a empresas: situaes comuns de isolamento

  • A origem social das patologias do trabalho impe-nos lidar com responsabilidades complexas. Mdico do Trabalho isolado por ter que lidar com concepes concorrentes e s vezes contraditrias dos vrios atores sociais.

  • FALTA DE VISIBILIDADE : sade ocupacional pouco compreendida.Quem o cliente? (Est claro para voc? E para o contratante de servios?)O que o cliente espera de voc?Viso cartorial: a especialidade gerada pela legislao?

  • O Mdico do Trabalho prestando servio a empresas:Complicador: Menor convivncia

    Distanciamento

    Falta de integraoDificuldade para decises conjuntas e implantao de servios previstos

  • EMERGNCIAS CRIADAS: o que no foi providenciado a tempo vira urgncia e gera stress nas relaes.Correo de falhas repassada ao mdico;Trabalhador no admitido que se acidenta;Admissional de trabalhador j operante;Exames ocupacionais no encaminhados e subitamente cobrados em bloco; A Fiscalizao bem-vinda.

  • A composio do preo: pecado originalMontado sobre tendncia de mercado e no considera necessidades para execuo da proposta (ganho em escala);Atuao engessada: amarra para enriquecimento do trabalho com aes de promoo da sade; Condio imposta pela concorrncia, tpica de um momento histrico, mas ns nos amarramos ao propor o mnimo;

  • AUTONOMIA:espao para propor qualidadeNa evoluo histrica a poltica do mnimo em decadncia;H demanda de maior qualidade em sade ocupacional (diferencial de mercado);Recomendaes de valorizao dos honorrios tem respaldo da Cmara Tcnica do CRM;

  • Canais de sada do IsolamentoSade no trabalho: valor na estrutura organizacional da empresa;No responsabilidade exclusiva do mdico, que precisa autonomia para atuar;Controle Social: a atividade de interesse pblico, sendo delegada s empresas a sua execuo.