Aula 10A - Exercicios Endereco Protocolo - GABARITO

  • Published on
    23-Jun-2015

  • View
    494

  • Download
    3

Embed Size (px)

DESCRIPTION

4 Semestre

Transcript

Universidade de Cuiab Faculdade de Cincia e Tecnologia Tecnologia em Redes de Computadores1) Uma empresa est conectada ao backbone Embratel (um sistema autnomo) e ao backbone RNP (outro sistema autnomo) e quer anunciar suas rotas, mas no quer servir de "transit network" entre Embratel e RNP. Qual Protocolo ela deve usar: a) BGP b) IGRP c) OSPF d) NLSP e) RIP 2) Com relao a Conceitos Bsicos do Sistema de Cabeamento Estruturado, qual a nica alternativa INCORRETA: a) Cabos separados para cada sistema de comunicao, ou seja, o cabeamento dedicado por aplicao b) Permitir flexibilidade na mudana de layout atravs de interface de conexo padronizada. c) Possuir arquitetura aberta possibilitando a conectividade entre produtos de diversos fabricantes. d) Suporte a diversos padres de comunicao atravs de meio fsico padronizado e) Zone wiring 3) Assinale a nica Alternativa INCORRETA. a) A camada core o Backbone de alta velocidade. A camada deve ser projetada para minimizar o atraso. Dispositivos de alta vazo devem ser escolhidos. b) A camada de acesso prov acesso rede para usurios nos segmentos locais, freqentemente usa apenas hubs e switches. c) A disponibilidade obtida com a redundncia de enlaces e dispositivos de interconexo. O objetivo eliminar pontos nicos de falha, duplicando qualquer recurso cuja falha desabilitaria aplicaes de misso crtica. d) A nfase da metodologia de projeto de redes top-down est na implementao; e) O Projeto de Redes Top-Down uma metodologia que ajuda a projetar uma viso lgica de uma rede. 4) A camada de acesso muito suscetvel a violaes de diretrizes de projeto de redes hierrquicas. Portanto, a topologia da rede na camada de acesso deve ser controlada evitando-se : Conectar diretamente dispositivos na mesma camada, atravs de um roteador, ponte ou switch extra, podendo causar problemas inesperados de roteamento alm de tornar a documentao e a soluo de problemas mais difceis. O acrscimo de uma quarta camada, por exemplo, para a ligao de uma filial a outra; As afirmaes acima se referem, respectivamente, a : a) Adio de cadeias e Balanceamento de Carga b) Adio de cadeias e Criao de porta dos fundos c) Balanceamento de Carga e Adio de cadeias d) Criao de porta dos fundos e Adio de cadeias e) Criao de porta dos fundos e Balanceamento de Carga 5) Numa Topologia em malha completa, todo o roteador ou switch est conectado a cada outro roteador ou switch. Calcule o nmero de links em numa rede com 19 roteadores numa topologia de malha completa. a) 180 b) 181 c) 171 d) 38 e) 361 6) Totalizando as rotas para as sub-redes 172.16.0.0, 172.17.0.0, 172.18.0.0 e 172.19.0.0, obtm-se: a) 172.16.0.0/14 b) 172.16.0.0/16 c) 172.20.0.0/14 d) 172.16.0.0/8 e) 172.16.0.0/24 7) Assinale a afirmao correta sobre os Protocolos de Vetor de Distncia.

1

Universidade de Cuiab Faculdade de Cincia e Tecnologia Tecnologia em Redes de Computadoresa) Muitos protocolos de roteamento de vetor de distncia especificam o comprimento do curso com uma contagem de tempo de resposta b) Um protocolo de roteamento de vetor de distncia envia sua tabela de roteamento a 2N - 1 vizinhos, onde N o nmero de ns da rede. c) Os protocolos de roteamento de vetor de distncia podem enviar a tabela inteira de cada vez, ou podem simplesmente enviar atualizaes depois da primeira transmisso e apenas ocasionalmente enviar a tabela de roteamento completa d) Convergem mais rapidamente e no causam tantos loops de rotas durante a convergncia e) Eles so mais complexos de configurar 8) Analise as afirmaes abaixo I. No h mecanismo dinmico para atribuir endereos de rede (isto , a parte rede do endereo IP) II. Para maximizar a segurana e a adaptabilidade, usa-se o endereamento privativo. Nesta rede, para que os usurios acessem recursos fora da rede corporativa devem fazer uso de NAT ou Proxy. III. O uso de um modelo estruturado para endereamento de rede facilita a gerncia de endereos, O troubleshooting, O entendimento de mapas de redes e a A operao da rede IV. Embora IP no tenha sido inventado com suporte a endereamento dinmico (escolha dinmica de endereos IP), vrias solues apareceram para simplificar as tarefas do administrador de rede como BOOTP e DHCP; As afirmaes CORRETAS so: a) I, II, III e IV b) I e II c) II, III e IV d) II e III e) III e IV 9) Analise as afirmaes sobre cabeamento estruturado I. Aderncia aos Padres Internacionais II. Cabos separados para cada sistema de comunicao - Cabeamento Dedicado III. Diversidade de Meios Fsicos Instalados: UTP, STP, Coaxial e Fibra ptica. IV. Permitir Flexibilidade na Mudana de Lay-out atravs de Interface de Conexo Padronizada. V. Possuir Arquitetura Aberta possibilitando a Conectividade entre Produtos de Diversos Fabricantes. VI. Redes sob o controle de diferentes divises da empresa. VII. Suporte a Diversos Padres de Comunicao atravs de Meio Fsico Padronizado. So Conceitos Bsicos do Sistema de Cabeamento Estruturado as afirmaes: a) b) c) d) e) I, II, IV, VI II, IV, V e VII III, IV, V e VI II, IV, V e VI I, IV, V e VII

10) No meio dos anos 90, o crescente tamanho das tabelas de roteamento na Internet forou a IETF a introduzir um esquema com mais hierarquia no endereamento. A soluo foi Classless Inter-Domain Routing (CIDR). Com CIDR, os endereos so alocados em blocos e roteadores podem agrupar rotas de blocos para diminuir a quantidade de informao de roteamento trocada entre roteadores. Quais protocolos abaixo aceitam o roteamento sem classes: a) RIP Verso 1 , Enhanced IGRP e OSPF b) RIP Verso 1 e IGRP c) RIP Verso 1, Enhanced IGRP, OSPF, BGP-4 d) RIP Verso 2, Enhanced IGRP, OSPF, BGP-4 e IS-IS e) RIP Verso 2, IGRP, OSPF, BGP-4 e IS-IS

2