Aula 17 - Informtica - Aula 03 - Parte 01 - Windows 7

Embed Size (px)

Text of Aula 17 - Informtica - Aula 03 - Parte 01 - Windows 7

  • NOES DE INFORMTICA (TEORIA E EXERCCIOS) P/ TRE-MS PROFa. PATRCIA LIMA QUINTO

    Profa Patrcia Lima Quinto www.pontodosconcursos.com.br 1

    Aula 3 Noes de Sistema Operacional (Ambiente Windows). Conceitos de Organizao e de Gerenciamento de Informaes,

    Arquivos, Pastas e Programas (Parte I)

    Ol, pessoal!

    Pensamento positivo, muita garra, estudo e rumo batalha, que ser cada vez com mais soldados a seu favor. Contem comigo nessa trajetria!!!

    Nesta aula abordaremos os principais conceitos relacionados ao Sistema Operacional Windows, que tema garantido na prova!

    Fiquem atentos e bons estudos!

    Profa Patrcia Quinto

    Contedo desta aula Pgina

    Conceito de Sistema Operacional. 01

    Introduo ao Windows XP. 05

    Sistema Operacional Windows 7. 41

    Novidades do Sistema Operacional Windows 8. 82

    Conceito de Sistema Operacional

    O sistema operacional um programa responsvel por controlar o funcionamento do computador, como um gerente dos vrios recursos disponveis do sistema.

    Tanembaum

    Esta definio muito interessante, pois deixa claro que o Sistema Operacional (SO) um programa que deve controlar/gerenciar o funcionamento da mquina (hardware) e ao mesmo tempo gerenciar tudo que ela disponibiliza, oferecendo recursos de interatividade e usabilidade que facilitem a vida do usurio.

    A evoluo dos sistemas operacionais est, grande parte, relacionada ao desenvolvimento de equipamentos cada vez mais velozes, compactos e baratos, e necessidade de aproveitamento e controle desses recursos.

    "A imaginao tudo, uma viso antecipada das atraes da

    vida que viro. -- Einstein

    USUARIOArrow

    Edited by Foxit ReaderCopyright(C) by Foxit Corporation,2005-2010For Evaluation Only.

  • NOES DE INFORMTICA (TEORIA E EXERCCIOS) P/ TRE-MS PROFa. PATRCIA LIMA QUINTO

    Profa Patrcia Lima Quinto www.pontodosconcursos.com.br 2

    O surgimento de novos computadores (celulares, tablets, etc.) leva ao surgimento de novos Sistemas Operacionais (SOs) apropriados para esses equipamentos.

    Hoje j temos:

    SO para celulares;

    SO para tablets;

    SO para aparelhos eletrnicos;

    SOs Distribudos (Segundo Tanenbaum, um sistema distribudo um conjunto de computadores independentes entre si que apresenta a seus usurios como um sistema nico e coerente).

    Cloud Computing (Computao na Nuvem): O SO executado na nuvem e utilizamos seus recursos via Internet. Utiliza a memria e as capacidades de armazenamento e clculo de computadores e servidores compartilhados e interligados por meio da Internet (Exemplos de SOs desse tipo: youOS, eyeOS, etc.).

    Figura. Tela do YouOS

    Exemplos de sistemas operacionais ativos: Windows, Linux (vrias distribuies), Solaris, FreeBSD, Unix System V, MINIX, OpenBSD, NetBSD, Android, Symbian, BlackBerry OS, PalmOS, Mac OS X, MeeGo, etc.

  • NOES DE INFORMTICA (TEORIA E EXERCCIOS) P/ TRE-MS PROFa. PATRCIA LIMA QUINTO

    Profa Patrcia Lima Quinto www.pontodosconcursos.com.br 3

    Principais Funes de um Sistema Operacional

    Permitir que os programas armazenem e obtenham informao. A persistncia dos dados (HD, pendrive, etc.) um fator primordial para o uso do computador.

    Imagine atualmente um computador que no possa armazenar dados aps ser desligado... A persistncia

    dos dados e programas foi e continuar sendo fundamental !!!

    Isolar os programas dos detalhes especficos de hardware. Quando um programa quiser escrever algo na tela (monitor), basta um comando de escrita (print). Quando quiser ler um arquivo no HD, basta utilizar o comando de abertura de arquivo (open) e a seguir um de leitura (read). Como feita a abertura do arquivo ou a leitura de dados do mesmo, deve ser um problema do SO e no do programador.

    Controlar o fluxo de dados entre os componentes de um computador. Por exemplo, o ato de salvar um arquivo que voc est editando em disco, escanear um documento ou simplesmente copiar um arquivo do pendrive para o HD.

    Permitir que os programas sejam executados sem a interferncia de outros programas. A ideia simples, as aes realizadas no editor de imagens no podem interferir no funcionamento lgico do navegador e nem do editor de texto. Neste ponto comeamos a trabalhar com a ideia de contextos independentes de execuo do programa e reas isoladas de memria para cada um. Quando quisermos trocar dados entre os programas podemos, por exemplo, utilizar a rea de transferncia ( e ).

    Permitir que os programas independentes cooperem periodicamente e compartilhem informaes. O exemplo mais simples de compartilhamento o da rea de transferncia, mas os programas atuais utilizam muito os protocolos de rede (TCP e UDP e seus esquemas de portas) para fazer a comunicao entre programas ou mesmo entre as janelas de um mesmo programa.

    Responder aos erros ou a solicitaes dos usurios. Exemplos: apertar a tecla para tentar cancelar uma ao, imprimir um documento, salvar um documento, no Windows para acionar o gerenciador de tarefas, etc.

    Facilitar o acesso aos recursos do sistema. As interfaces grficas dos SOs modernos facilitam muito isso, pois o usurio leigo no precisa digitar um monte de comandos complexos para realizar uma ao; Impor um escalonamento entre programas que solicitam recursos. A ideia estabelecer a ordem com que os programas acessam um recurso. Por exemplo a impressora, toda vez que voc manda imprimir algum documento ele colocado na fila de impresso. Esse gerenciamento da impressora realizado pelo SO.

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    Edited by Foxit ReaderCopyright(C) by Foxit Corporation,2005-2010For Evaluation Only.

  • NOES DE INFORMTICA (TEORIA E EXERCCIOS) P/ TRE-MS PROFa. PATRCIA LIMA QUINTO

    Profa Patrcia Lima Quinto www.pontodosconcursos.com.br 4

    Resumindo....

    O Sistema operacional o software que controla a alocao e utilizao dos recursos de hardware, como memria, uso da CPU, espao em disco e perifricos. Alm disso, o software fundamental do computador, sobre o qual todos os outros softwares so executados e para o qual os softwares so desenvolvidos. Quer dizer, quando um programador desenvolve um software, ele o faz para um sistema operacional especfico.

    Funes do SO:

    -Gerenciamento do processador;

    -Gerenciamento da memria;

    -Gerenciamento de dispositivos E/S;

    -Gerenciamento de armazenamento;

    -Interface de aplicativos;

    -Interface do usurio.

    Sistema Operacional um tipo de software bsico que atua como um intermedirio entre o usurio e o

    hardware do computador.

    Para trabalhar de forma gil com os sistemas operacionais grficos, preciso conhecer bem o sistema e suas funcionalidades. Certamente, a banca explora vrias maneiras de realizar uma tarefa no Windows e, em especial, cobra itens que no fazem parte da rotina dos usurios mais comuns ou pouco experientes.

    Manipulao de Arquivos e Pastas

    Arquivo: um bloco de informaes relacionadas, que est gravado em uma unidade de armazenamento. Tudo o que salvamos no computador vira arquivo. Um arquivo tem de ter um nome, para que se possa identific-lo e diferenci-lo dos demais arquivos na mesma unidade.

    Principais tipos de arquivos:

    Arquivos de dados: contm informaes de usurios. Exemplos: arquivos de texto, imagens, sons, vdeos.

    Arquivos de programas (Arquivos Executveis): contm instrues que sero executadas pelo processador.

    USUARIOArrow

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    Edited by Foxit ReaderCopyright(C) by Foxit Corporation,2005-2010For Evaluation Only.

  • NOES DE INFORMTICA (TEORIA E EXERCCIOS) P/ TRE-MS PROFa. PATRCIA LIMA QUINTO

    Profa Patrcia Lima Quinto www.pontodosconcursos.com.br 5

    Figura Alguns exemplos de arquivos de formatos comuns

    Os arquivos possuem Nome, data de criao, dono e outros atributos. Tais atributos (incluindo o nome) se encontram no diretrio onde o arquivo est registrado. Dentro de propriedades de arquivos possvel observar todos os dados dos arquivos, vide figura seguinte.

    Figura. Exemplo de propriedades de um arquivo de imagem

    A tabela seguinte destaca algumas extenses de arquivos muito cobradas em provas:

    Extenso Tipo de arquivo

    DOC Documento criado pelo Microsoft Word.

    XLS Planilha do Microsoft Excel.

    USUARIOHighlight

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    USUARIOUnderline

    Edited by Foxit ReaderCopyright(C) by Foxit Corporation,2005-2010For Evaluation Only.

  • NOES DE INFORMTICA (TEORIA E EXERCCIOS) P/ TRE-MS PROFa. PATRCIA LIMA QUINTO

    Profa Patrcia Lima Quinto www.pontodosconcursos.com.br 6

    EXE Arquivo executvel (um programa).

    TXT Arquivo de texto simples.

    PPT Arquivo de apresentao de slides do PowerPoint.

    GIF Arquivo de imagem.

    MP3 Arquivo de som em formato compactado.

    MPG Arquivos de vdeo em formato compactado.

    Uma pasta, tambm conhecida como diretrio, um pequeno compartimento lgico, criado em uma unidade para organizar melhor seu contedo para o usurio. As pastas so gavetas que podem guardar arquivos ou outras pastas, e, portanto, no pode ser chamada de um tipo de disco, ela criada/alterada e/ou apagada do disco.

    A criao de novas pastas no Windows Explorer pode ser feita pelo usurio, de modo a facilitar a forma com que os arquivos possam ser armazenados.

    Voc Sabia!!