DINÂMICAS NOVAS

  • Published on
    12-Jul-2015

  • View
    480

  • Download
    1

Embed Size (px)

Transcript

<p>1) ESTUDO DE CASO - ADVOGADO A WDP uma empresa do ramo de informtica, com aproximadamente 500 funcionrios. Hoje ela considerada lder de mercado. No ano de 1997, aps um trabalho bastante forte na rea de vendas, visando aumentar o nmero de clientes a empresa conseguiu elevar em 37% a carteira. A empresa vibrou muito com essa conquista. No entanto surgiu um problema; a inadimplncia de vrios deles. O departamento de cobrana tem enfrentado grandes dificuldades no sentido de fazer com que esses clientes cumpram os contratos. A diretoria da WDP tem pressionado o departamento, pois o faturamento est muito baixo em funo dessa situao. importante considerar que esses so apenas dois casos, mas o Volume de acumulado est na ordem de aproximadamente 327 processos. Situao A Cliente: 1 Valor do Contrato: R$300.000,00 Data do contrato: 20/11/97 ltimo vencimento: 20/11/98 Este cliente s cumpriu as trs primeiras parcelas. Cliente: 2 Valor do Contrato: R$5.000,00 em um ano Data do Contrato: 02/12/97 Nesse caso at agora o cliente no pagou nenhuma parcela. Nos dois casos foi tentado um acordo, porm no houve o cumprimento da proposta. Diante do exposto de que forma voc conduziria a situao para que o problema fosse resolvido? Situao B Um cliente adquiriu um software no valor de R$150.000,00 mais mo de obra especializada. Tal produto apresentou problemas, gerando queda no faturamento do cliente e conseqentemente, sua insatisfao. O mesmo quer restituio do valor, devidamente corrigido pelas taxas do governo, mais 6% ao ms pelo prejuzo causado. A WDP no aceita a proposta porque vai alm das suas possibilidades. A contra proposta apenas a restituio do valor, de acordo com o IGPM. O cliente no aceita e quer abrir processo contra a WDP.</p> <p>2) APARTAMENTO OBJETIVO: Assertividade, Formao de equipes, Negociao. PROCEDIMENTOS: Sero concedidos, pela empresa, dois apartamentos, no mobiliados, por um perodo indefinido. Cada equipe tem $ 5.000 dlares para equipar e mobiliar o apartamento da maneira que quiser. Cada equipe ir discutir e entrar em um consenso do que iro fazer e estabelecer um breve resumo, inclusive planta do apartamento. Devido a um remanejamento ocorrido na Empresa, ser concedido apenas um apartamento, e as equipes devero definir, como ser o apartamento, negociando entre os dois planos, confeccionados anteriormente. A equipe ter 20 minutos para o primeiro plano de decorao e 20 minutos para plano final.</p> <p>3) DINMICA DE APRESENTAO Nome................................................................................................................... Apelido................................................................................................................ Idade.................................................................................................................... Estado civil.......................................................................................................... Composio familiar............................................................................................</p> <p>Graduao/Escola................................................................................................ Um esporte.......................................................................................................... Um lazer.............................................................................................................. Uma qualidade..................................................................................................... Um defeito........................................................................................................... Uma alegria......................................................................................................... Uma tristeza......................................................................................................... Um sonho............................................................................................................ Um medo............................................................................................................. Uma esperana....................................................................................................</p> <p>4) AQUECIMENTO OBJETIVO: trabalhar negociao. MATERIAL NECESSRIO: Sulfite, Revistas, 3 colas, 3 tesouras. PROCEDIMENTO: Pedir para que representem figuras que melhor identificam suas personalidades. A quantidade de colas e tesouras devero ser menos que a metade do nmero de participantes.</p> <p>5) MINHA ARTE TCNICA: Criatividade OBJETIVOS: Proporcionar o afloramento da criatividade, Aquecimento, Experimentar sentimentos autnticos. TIPO DE GRUPO: Independente TAMANHO DO GRUPO: Mnimo de 3 e Mximo de 10 participantes TEMPO NECESSRIO: Cerca de 45 Minutos MATERIAIS: Muitas folhas de papel sulfite, Lpis de cera coloridos, Fita adesiva. ARRANJO FSICO: Sala suficientemente ampla, com cho de madeira ou frmica. PROCESSO: Solicitar que o grupo se sente no cho. Informar que iro fazer desenhos livres e que podero utilizar qualquer cor para os desenhos. Dar ao grupo 15 minutos para a execuo de suas artes, Afixar todos os desenhos, lado a lado numa parede e solicitar que cada uma das pessoas informe o que e o por que de seu desenho. Informar que qualquer um dos participantes poder alterar o desenho de qualquer dos demais participantes, menos o seu. Aps a tarefa cumprida, solicitar que expressem o sentimento a respeito daquela mudana.</p> <p>6) AVALIAO DA DINMICA DE GRUPO</p> <p>ASPECTOS AVALIADOS NI</p> <p>CECO O</p> <p>SYLVI U</p> <p>TADE S</p> <p>TOBIA S</p> <p>MARCO</p> <p>Tcnica de Vendas Assertividade Tomada de Deciso Trabalho em Grupo Exposio Contedo Comunicao Organizao de Idias Argumentao Escala de avaliao: 1-Pssimo; 2-Ruim; 3-Regular; 4-Bom; 5-timo.</p> <p>OBSERVAES: ______________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________ ____________________________________________________________________________________________ ________________________________________________________________ ________________________ Avaliador</p> <p>7) DINMICA DA BONECA. OBJETIVO: Verificar a integrao, colaborao, criatividade e liderana no trabalho em grupo. TAMANHO DO GRUPO: Sub-Grupos de 4 pessoas TEMPO EXIGIDO: Mdia de 40 minutos. MATERIAL UTILIZADO: Envelopes, L, Canetinha, Bijuterias, Fitas, Cartolina, Tesoura. PROCESSO: O coordenador inicia dizendo que as pessoas ali presentes fazem parte do departamento de produo de uma empresa fabricante de brinquedos e o objetivo deles desenvolver uma boneca para atender ao pedido de um cliente muito exigente e a entrega dessa boneca dever ser feita num prazo de 20 minutos. No ser dito que eles devero conversar, apenas ser dada a instruo que dentro do envelope distribudo a cada sub-grupo conter a tarefa a ser executada e o material necessrio. Dever ser dito que quanto mais criativo, melhor. Dever ser colocado em cada envelope um papel contendo a parte da boneca que dever ser feita e o material correspondente. O instrutor dever agir com presso com o grupo em relao ao tempo, avisando sempre o horrio para que eles trabalhem mais rpido. Dever ser observado, enquanto as tarefas so realizadas, o papel desempenhado por cada integrante do grupo como: o lder, o acomodado, o crtico, o desligado, o folgado, etc... Aps os 20 minutos, cada sub-grupo chamado frente para expor a parte da boneca que foi feito e juntar com as demais partes. Finalizar o exerccio fazendo uma analogia com a situao ocorrida e o dia-a dia no ambiente de trabalho.</p> <p>8) TCNICA CERTO ERRADO TCNICA: Aquecimento ou Integrao</p> <p>OBJETIVO: Aprimorar a compreenso das mensagens recebidas DADOS A OBSERVAR: Postura; facilidade de colocar suas idias; inteirao grupal; capacidade de memorizao, raciocnio lgico, versatilidade. TEMPO DE DURAO: Mximo de 30 minutos MATERIAL UTILIZADO: Fichas de cartolina lpis caneta caixas de papelo INSTRUO GERAL: A finalidade deste exerccio verificar o nvel de conhecimento TCNICAS DE APLICAO Etapas - Instrues Escolher um tema dentro do assunto geral. Distribuir as fichas contendo conceitos tanto adequados quanto inadequados, referentes ao tema proposto. Distribuir duas caixas de papelo por grupo, assinalando-se uma delas o termo certo e na outra errado. Agrupar os participantes em pequenas equipes. Pedir ao grupo que, tomando conhecimento do que estiver escrito nas fichas, as coloque nas caixas adequadas. Ser vencedora a equipe que, tendo concludo sua tarefa em tempo menor que as demais, a tenha executado corretamente. FECHAMENTO: Analisar e comentar sobre a experincia vivida.</p> <p>9) QUEM MATOU MARIA? Maria tinha um problema de relacionamento com o marido, ele no ligava para ela, fazia muita hora extra para no ter maiores contatos com ela. Cansada desta situao Maria arrumou um namorado, desta forma enganando seu marido e tentando encontrar no outro o que sentia falta nele. Seu namorado morava do outro lado de uma ponte. Todo dia ela ia para l e quando faltava uma hora para a chegada de seu marido ela retornava para sua casa. Um dia falaram para ela que tinha um bandido na ponte. Receosa ela retornou para a casa de seu namorado e pediu ajuda. Ela recusou-se a ajud-la. Procurou um amigo e ele no quis envolver-se. Um barqueiro a ajudaria, mas ela teria que pagar a ele R$50, 00, valor este que ela no tinha. Decidida a arriscar, Maria tentou atravessar a ponte, mas o bandido a abordou e a matou. Quem, em grau de responsabilidade, foi responsvel pela morte de Maria? Divide-se o grupo em dois que devero chegar num acordo, por consenso e no por votao. Depois se junta os dois grupos se a resposta for contraditria, para que novamente busquem o consenso.</p> <p>10) DESENHO Metade do grupo faz individualmente - um desenho escondido da outra metade. Sentam-se de costas, em duplas, mesclando pessoas dos dois grupos. Quem fez o desenho vai falar para a outra, que dever desenhar, procurando seguir as informaes ditas e aproximar-se o mximo possvel do desenho feito anteriormente.</p> <p>11) O QUE FAZER? -Dia 27/07. Sua equipe no fez ainda 20 % da meta estabelecida. O que voc faria? Que problemas voc acredita que eles estariam enfrentando para no vender? -Fazem 2 meses que um de seus vendedores no produz a contento. Quando lhe perguntado o porque, percebe-se que est com um problema emocional. O que faria diante da presso constante? -Seu gerente solicita mudana de estratgia para o prximo ms. Coloca que voc e sua equipe foram os ltimos no ms passado e que esto sendo avaliados por isso. Qual atitude prtica tomaria? -Em uma pesquisa realizada por sua equipe, foi compilado os seguintes dados: -80% de sua equipe diz que voc no negocia e no consegue intervir de maneira eficaz, no resolvendo e nem intermediando as necessidades da equipe, no mantendo assim, um bom clima. -50% esto insatisfeitos com tal situao e desejam trocar de equipe. O que faria?</p> <p>-O Sr. Vale solicita uma reunio com voc, pois quer saber o que est impedindo a equipe do Novo se projetar, j que acredita nestes potenciais. Quer saber sua percepo. O que falaria? -O que voc diria e qual a sua percepo ao seguinte fragmento: Quem trabalha muito, erra mais, Quem trabalha pouco, erra menos, Quem no assume nada, no erra, Quem no erra, promovido. -Sua equipe solicita uma reunio com voc, para dizer da decepo, pois acreditavam que uma pessoa recm-vendedora no esqueceria que to rpido das deficientes que a equipe enfrenta e do que ela precisa para melhorar. Porque voc no est conseguindo? -Seus pares de trabalho no esto lhe apoiando, uma vez que no concordaram que tenha sido voc, o melhor no processo seletivo. Seu gerente est esperando um resultado global e integrado, mesmo porque, ele confia que voc como recm admitido poder superar suas expectativas. Qual sua atitude? -O que voc diria e faria para no decepcionar no 1 ms de superviso, j que sua gerncia estipulou uma meta elevada e que tem certeza que superar sua expectativa? -Se te dessem a oportunidade de ser o (a) supervisor (a) entre estes o que voc gostaria de lhes mostrar? -O que voc prefere: Reduzir custos ou aumentar ganhos? Porque? Como faria? -Quais so suas expectativas para ser supervisor? -Que tipo de atitude teria ao se deparar com um vendedor que seja mais solto e sempre esbarra nas normas internas da Empresa?</p> <p>12) LEILO Nome Tipo Objetivo Dados a Observar Leilo Tcnica para 1-Recrutamento e Seleo 2-Treinamento</p> <p>Cognitiva - Avaliao Liderana - Percepo Levar no grupo a polmica, visando observar caractersticas pessoais, focar a necessidade de desenvolver habilidade para perceber as situaes. Tempo de elaborao para percepo Bom senso Senso crtico Colocao e expresso verbal Grau de envolvimento na situao Como age sob presso Postura de valorizao do negativo Autocontrole Mnimo de 6 e mximo de 20 1 Grau completo acima Mximo 50 minutos Flipchart, dinheiro de papel, ou fichas. Sala com cadeiras</p> <p>N de Participantes Grau de Instruo Tempo de Durao Material Utilizado Ambiente Fsico Tcnicas de Aplicao Etapas 1 Etapa</p> <p>Pea aos participantes para pensarem em suas queixas pessoais ou profissionais, relacionadas ao seu dia a dia. (Anotar no Flipchart) (Algum deve escrever em papis, para distribuir na hora do leilo).</p> <p>2 Etapa 3 Etapa 4 Etapa 5 Etapa</p> <p>6 Etapa 7 Etapa Fechamento</p> <p>OBS: restringir as queixas s atitudes, basicamente profissionais. Induzir quem deu uma queixa pessoal, tambm dar uma profissional. Estimular a fazer mais de uma queixa, todos devem participar. D aos participantes uma verba de R$ 100 O leilo ter duas etapas (mensagem cdigo). Devem comprar tantas coisas quanto no gostam ou se concentrar naquelas que lhes sejam importantes. Ser vendido um item de cada. Iniciar o leilo. Entregar a queixa para quem comprou e recolher o valor. Pensem em coisas boas pessoais ou profissionais, fatos que trouxeram muito contentamento, motivo de comemorao e envaidecimento. (Anotar no Flipchart) (Algum deve escrever em papis, para distribuir na hora do leilo). OBS: restringir as queixas s atitudes, basicamente profissionais. Induzir quem deu uma queixa pessoal, tambm dar uma profissional. Com a verba restante que cada um tem, vamos prosseguir o leilo. Devem comprar tantas coisas quanto no gostam ou se concentrar naquelas que lhes sejam importantes. Ser vendido um item de cada. Iniciar o leilo. Entregar a queixa para quem comprou e recolher o valor. Primeira discusso: Criar polmica no grupo, porque as pessoas compraram os itens negativos, qual o seu sentimento, expressar seu ponto de vista a respeito. Segunda discusso: como foi adquirir as coisas boas. Observar o comportamento do grupo nas diversas situaes e a internalizao dos conceitos apresentados. O quanto esto valorizando as coisas negativas e sem tempo para as positivas.</p> <p>Conceito 01 Abordar a facilidade q...</p>