MANUAL DE FORMATAÇÃO DE TCC.pdf

Embed Size (px)

Text of MANUAL DE FORMATAÇÃO DE TCC.pdf

  • Universidade Federal do Acre

    Departamento de Cincias da Sade / Departamento de Filosofia e Cincias Sociais

    Curso de Medicina

    Disciplina Tcnicas de Pesquisa Bibliogrfica

    ROTEIRO PARA APRESENTAO DE TRABALHOS ACADMICOS

    Profa. MSc. Letcia Mamed (2013)

    Rio Branco (AC)

    2013

  • 1

    1. ESTRUTURA DE TRABALHOS ACADMICOS

    Capa Lombada (opcional) Folha de rosto Errata (opcional) Folha de aprovao Dedicatria (opcional) Agradecimento (opcional) Epgrafe (opcional) Resumo na lngua verncula Resumo em lngua estrangeira Lista de ilustraes (opcional) Lista de tabelas (opcional) Lista de abreviaturas e siglas (opcional) Lista de smbolos (opcional) Sumrio

    Elementos pr- textuais

    Introduo Desenvolvimento Concluso

    Elementos textuais

    Referncias Glossrio (opcional) Apndice Anexos ndice

    Elementos ps- textuais

    1.1. REGRAS GERAIS DE APRESENTAO

    Papel branco A4 (212x297 mm). Fonte Times New Roman, cor preta, tamanho 12. (com exceo de citaes de mais de trs linhas, legendas, notas de rodap e paginao que

    devem ter letras menores e uniformes).

    Espaamento 1,5 entrelinhas em todo o texto. (com exceo das citaes de mais de trs linhas, legendas, notas de rodap, referncias,

    ficha catalogrfica e capa, que devem ser digitados em espao simples. As referncias

    devem ser separadas entre si por dois espaos simples).

    Margens com 3cm esquerda e superior, 2cm direita e inferior. Na folha de rosto e na folha de aprovao o texto que contm a natureza do trabalho deve ser alinhado no meio da pgina para a margem direita.

  • 2

    Os pargrafos devem ser justificados, com recuo na primeira linha Os ttulos das sees devem comear na parte superior da pgina. Os subttulos das sees se situam na seqncia do texto. Ambos so separados dos textos por dois espaos 1,5

    entrelinhas

    Os nmeros de uma seo, que precedem o ttulo, so alinhados esquerda, separados por espao de um caractere

    Os ttulos sem indicativo numrico devem ser centralizados (errata, agradecimentos, listas, resumos, sumrio, referncia, glossrio, apndice, anexo, ndice)

    Elementos sem ttulo e sem indicativo numrico so folha de aprovao, dedicatria e epgrafe

    Todas as folhas devem ser contadas seqencialmente, mas no numeradas A numerao colocada a partir da primeira folha da parte textual, em algarismos arbicos

    Ateno:

    Agradecimentos

    Em trabalho cientfico, os agradecimentos devem ser restritos aos colaboradores (diretos

    ou indiretos) e s instituies, mas de modo sbrio. Evite citar colaboradores referindo-

    os pelo apelido ou somente pelo prenome.

    Capa

    Obrigatria somente em teses e dissertaes Indispensveis: nome do autor, ttulo, natureza acadmica, unidade de ensino, instituio, nome do orientador, local e ano.

    Projeto grfico a critrio da instituio

  • 3

    2. TRABALHO DE CONCLUSO DA DISCIPLINA

    Sero exigidos os seguintes itens para avaliao do trabalho referente a N2:

    Folha de rosto (correspondendo capa). Resumo em portugus. Sumrio. Texto (ver formatao no item 2.4). Referncias bibliogrficas. Anexos.

    2.1 FOLHA DE ROSTO (Figura 1)

    Elementos essenciais identificao do trabalho. Autores (como prefere ser citado) em ordem alfabtica. Ttulo claro e conciso, capaz de conduzir o leitor a identificar o contedo e possibilitar recuperao da informao.

    Subttulo (se houver) seguido ao ttulo por dois pontos (:). Nota assinalando a natureza acadmica do trabalho, a unidade de ensino (curso, departamento, setor) e a instituio em que apresentado.

    Nome do professor da disciplina ou orientador. Local onde trabalho foi apresentado. Ano em algarismos arbicos.

    Ateno:

    A Folha de Rosto ser a capa do trabalho de concluso da disciplina. Ela dever ser entregue em

    folha A4, grampeada. No usar espiral ou capa de material plstico ou similar.

    2.2 RESUMO (Figura 2)

    Em uma pgina distinta, com espaamento simples.

    Redigir em um nico pargrafo, com as margens justificadas.

    Destacar itens em negrito ou sublinhado.

    Ter preferencialmente at 350 palavras ou 2.400 caracteres. Alguns bancos de dados somente

    aceitam resumos com at 250 palavras.

    Expressar o assunto/tema tratado na primeira frase, situando-o no tempo e espao (no caso de

    no estar explcito no ttulo).

    Ressaltar problema de pesquisa, objetivos (geral e especficos), hipteses, mtodos e

    justificativa.

    Na seqncia do resumo agregam-se de 3 a 10 palavras-chave que ajudem a classificar o artigo.

    Pode-se pesquisar termos na lista "Medical Subject Headings" (MeSH) do MEDLINE

  • 4

    Saiba mais:

    O grande nmero de informao gerado pelas publicaes mdicas torna difcil sua localizao e

    sua apreciao ampla e segura. A necessidade de classificar as informaes para futuros

    levantamentos em estudos e pesquisas levou a criao de descritores, tambm conhecidos como

    unitermos ou palavras-chaves (key-words), tornando mais fcil o levantamento bibliogrfico.

    Os Descritores em Cincias da Sade (DeCS), derivados do termo em lngua inglesa Medical

    Subject Headings (MeSH) so publicados pela Biblioteca Nacional de Medicina Norte

    Americana (U.S. National Library of Medicine), responsvel pela base de dados Medline que

    uma das mais completas e utilizadas na pesquisa bibliogrfica na rea das Cincias da Sade.

    Outras bases de dados como o Lilacs (Literatura Mdica da Amrica Latina e do Caribe) e Scielo

    (Scientific Eletronic Library Online) tambm disponveis na Biblioteca Regional de Medicina

    (Bireme) usam a padronizao dos DeCS.

    fundamental que os autores dos trabalhos cientficos faam a escolha criteriosa e adequada

    destes unitermos, para que a indexao permita a recuperao de seus trabalhos, quando

    procurados pelos seus pares em uma pesquisa bibliogrfica. Para mais informaes sobre o

    assunto, leia o seguinte artigo disponvel em WWW.scielo.br:

    Azevedo JLMC, Poblacin DA, Goldenberg S. Descritores nos artigos cientficos. Acta Cir Bras 1990;5(2):35-54.

  • 5

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO ACRE

    DEPARTAMENTO DE CINCIAS DA SADE

    CURSO DE MEDICINA

    TTULO DO TRABALHO

    Gabriel Pereira Neto

    Lurdes Bastos Fonseca

    Trabalho de concluso da Disciplina

    Tcnicas de Pesquisa Bibliogrfica do

    1 Perodo do Curso de Medicina da

    Universidade Federal do Acre.

    Orientador: Prof. MSc. Letcia

    Mamed

    Rio Branco (Acre)

    2009

    Figura 1 Modelo de folha de rosto

    EM BUSCA DE UMA ASSISTNCIA ADEQUADA SADE DO IDOSO:

    REVISO DA LITERATURA E APLICAO DE UM INSTRUMENTO DE

    DETECO PRECOCE E DE PREVISIBILIDADE DE AGRAVOS. O aumento da

    populao idosa exige dos gestores da rea da sade mudanas nos modelos assistenciais,

    em decorrncia da significativa ampliao dos respectivos custos. Este artigo discute uma

    proposta de fluxo de acesso e definio de prioridades em uma rede ambulatorial. Utilizou-

    se um questionrio breve, com oito perguntas objetivas, visando captao e ordenao de

    idosos em risco de admisso hospitalar repetida, tomada como proxy de fragilizao. Em

    uma amostra de 360 indivduos, evidenciou-se que 75,8% dos idosos apresentavam baixo

    risco de adoecer. Cerca de 11% da amostra, contudo, apresentou risco de mdio a alto de

    adoecer, utilizando de forma intensiva os servios de sade. Os achados corroboram a

    utilidade do procedimento proposto a fim de classificar idosos em diferentes grupos de

    risco de fragilizao, possibilitando a hierarquizao dos riscos nessa populao e

    contribuindo para um sistema de sade mais eficaz e resolutivo. Sugere-se testar a validade

    do mtodo em um estudo prospectivo.

    Palavras-chave: Idosos; Instrumentos de Deteco Precoce; Fragilizao; Planejamento

    de Sade; Sade Coletiva. Figura 2 Modelo de resumo

  • 6

    2.3 SUMRIO

    Lista de ilustraes (tabelas, quadros e figuras) (opcional).........................

    Lista de siglas (opcional).............................................................................

    Resumo.........................................................................................................

    1.Tema.........................................................................................................

    2. Objetivos: Geral e Especfico..................................................................

    3. Justificativa.............................................................................................

    4. Problema cientfico.................................................................................

    5. Hipteses.................................................................................................

    6. Metodologia.............................................................................................

    7. Cronograma............................................................................................

    8. Oramento..............................................................................................

    9. Referncias Bibliogrficas......................................................................

    9. Anexos.....................................................................................................

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    00

    Exemplos:

    Lista de ilustraes

    TABELA 1 Distribuio dos pacientes por forma clnica........................ 20

    FIGURA 1 Indicadores de Desenvolvimento Humano..........