MIHALY CSIKSZENTMIHALYI: ESTADO DE FLOW (FLUXO) COMO ELEMENTO DE ... ?· Mihaly compartilhou um slide…

  • Published on
    03-Dec-2018

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

<ul><li><p>MIHALY CSIKSZENTMIHALYI: ESTADO DE FLOW (FLUXO) COMO ELEMENTO DE REALIZAO E ALTA PERFORMANCE Existem duas perguntas difceis de serem respondidas que aparecem em nossa </p><p>cabea em momentos de cio ou de frustrao: Por que to difcil ser feliz? Qual </p><p> o significado da vida? </p><p>O professor Mihaly Csikszentmihalyi resolveu unir ambas as perguntas para </p><p>desenvolver a sua teoria de flow (fluxo). </p><p>Mihaly passou a se interessar em descobrir quais eram os elementos que contribuam </p><p>para trazer uma vida que valesse a pena ser vivida, explorando arte, religio, filosofia </p><p>e vrios outros campos do conhecimento que poderiam ajudar nessa </p><p>investigao. Ele finalmente achou que a psicologia poderia ser a ferramenta ideal </p><p>para responder a sua pergunta. </p><p>Riqueza no traz felicidade Mihaly compartilhou um slide de um grfico de pesquisa feita com a populao </p><p>americana sobre o seu nvel de felicidade. O que interessante na imagem abaixo </p><p>que a tendncia de pessoas que se declaram muito felizes tende a permanecer na </p><p>faixa de 30%, independentemente do crescimento econmico e renda per capita. </p><p> Grfico: com o crescimento econmico e maior renda per capita, o grau de felicidade </p><p>das pessoas entrevistadas permaneceu o mesmo, na faixa de 30%. </p><p>Se por um lado verdade que a falta de recursos bsicos prejudica um nvel mnimo </p><p>de felicidade, seu aumento no produz maior felicidade. </p></li><li><p>Assim, a pesquisa de Mihaly foi em descobrir os elementos que correspondem </p><p>felicidade em nosso dia a dia. </p><p>A dificuldade em encontrar felicidade Se o progresso econmico no o elemento que proporciona a felicidade plena, </p><p>onde estaria o segredo? </p><p>O que faz as pessoas sentirem que vale a pena passar a vida fazendo coisas que no </p><p>traro fama ou fortuna? Essa foi a pergunta que Mihaly apresentou a diferentes </p><p>artistas e cientistas, atravs de uma interessante metodologia. Ele enviava torpedos </p><p>para os pagers de voluntrios em momentos aleatrios ao longo do dia, e, assim que </p><p>recebiam a mensagem, os participantes deveriam preencher um formulrio </p><p>descrevendo o que estavam fazendo e como se sentiam. </p><p>A partir dos resultados dessa pesquisa, Mihaly e sua equipe descobriram um grupo </p><p>de atividades timas ou estado de flow. </p><p>O que o estado de flow Um dos participantes da pesquisa respondeu com um exemplo de Flow na rea de </p><p>msica: Voc fica em um estado de xtase de tal modo que sente que nem sequer </p><p>existe mais. Eu vivi isso vrias vezes. Minha mo parece mover independente de meu </p><p>corpo, e eu no tenho a menor interferncia no processo. Eu apenas fico l, assistindo </p><p>em fascnio. E a msica apenas flui. </p><p>Esse estado mental que nos d a impresso de no estarmos mais na nossa realidade </p><p>mundana ideal. Quando pensamos em grandes civilizaes como os chineses, </p><p>hindus, maias ou egpcios, o que sabemos sobre seu xtase, mas no sobre sua </p><p>vida do dia a dia. Sabemos sobre seus circos, teatros, arenas, pirmides esses so </p><p>os locais onde as pessoas iam para experimentar um tipo de vida alm do ordinrio. </p><p>No caso do msico citado acima, ele no precisava de uma arena fsica, mas ele tinha </p><p>a sua arena mental. Ele no precisava se locomover, bastava um papel onde poderia </p><p>compor e imaginar sons que no haviam at ento sido combinados naquela forma </p><p>especial. </p><p>Nosso sistema nervoso no pode processar mais do que uma certa quantidade de </p><p>dados por segundo. Quando estamos realmente envolvidos em um processo </p><p>completamente engajado de flow, ele no tem muita capacidade de monitorar como </p><p>seu corpo est se sentindo, se est com fome, cansado ou mesmo pensar em seus </p><p>problemas mundanos de casa e burocracias. Assim, a existncia suspensa </p><p>temporariamente. </p><p>Ele tambm relata que parece que a mo est se movendo sozinha. No caso, esse </p><p>processo automtico e espontneo somente surge quando o profissional muito </p><p>bem treinado e talentoso. dito que so necessrios 10 anos para alcanar um ponto </p><p>de excelncia, como bem descrito no livro Fora de Srie de Malcolm Gladwell. </p><p>No campo da poesia, Mihaly traz uma nova citao: como abrir uma porta que </p><p>estava flutuando no meio do nada e a nica coisa que voc precisa fazer abrir e se </p><p>permitir mergulhar no que existe adiante. Voc no pode se forar a passar por ela. </p><p>Voc simplesmente precisa flutuar. Se existe algum tipo de fora gravitacional, do </p><p>mundo de fora que tenta manter voc do lado de fora. </p><p>http://www.arataacademy.com/port/malcolm-gladwell/</p></li><li><p> tambm um processo espontneo e sem esforo consciente. Uma descrio </p><p>parecida como quando Einstein descreveu o processo de entender e descobrir o </p><p>processo de relatividade. </p><p>Na rea de patinao no gelo, uma outra citao apresentada: Foi simplesmente </p><p>um desses programas que clicou'. Quer dizer, tudo estava perfeito, tudo era bom. </p><p>uma adrenalina, como se voc pudesse tocar adiante como se nunca quisesse parar </p><p>pois est mandando muito bem. praticamente como se no precisasse pensar, </p><p>como se tudo estivesse indo de forma automtica sem pensar. como se estivesse </p><p>num piloto automtico, voc no tem pensamentos. Voc ouve a msica mas no </p><p>est consciente de ouvi-la, pois faz parte de tudo isso que est acontecendo. </p><p>Isso tambm acontece no mundo dos executivos de alto sucesso e muito ticos. Essas </p><p>so pessoas que definem o sucesso como algo que ajuda aos demais. Norman </p><p>Augustine, antigo diretor presidente da Lockheed Martin, diz que Eu sempre quis </p><p>ser um homem de sucesso. Minha definio de ter sucesso contribuir com algo </p><p>para o mundo e ser feliz fazendo isso Voc tem que gostar do que est fazendo. </p><p>Voc nunca ser bom se no gostar do que faz. E em segundo lugar, voc tem que </p><p>sentir que est contribuindo para algo que vale a pena Se qualquer desses </p><p>ingredientes estiver faltando, provavelmente tem falta de significado em seu </p><p>trabalho. </p><p>Continuando com citaes do mundo corporativo, Anita Roddick, fundadora da The </p><p>Body Shop recomenda: Procure pela sua paixo. O que te deixa excitado? O que te </p><p>d teso? Procure empresas que voc realmente gosta, realmente admira. O que </p><p>que voc admira sobre elas? Se puder, faa um programa de estgio l, ou bata na </p><p>porta e pergunte se voc pode trabalhar l sem exigir um salrio alto. Se puder, </p><p>encontre organizaes que mexem com seu esprito. Trabalhe ao lado deles. E </p><p>divirta-se. Tem tanta coisa boa para aproveita. Quando voc passa 95% da sua vida </p><p>num ambiente de trabalho, no pode ser duro. </p><p>E Masaru Ibuka, que estava na poca comeando a Sony, diz para estabelecer um </p><p>ambiente de trabalho onde os engenheiros sentem o prazer da inovao tcnica, </p><p>tenha conscincia da misso deles com a sociedade, e trabalhe para tocar seus </p><p>coraes. </p><p>Como o estado de flow atingido Nas pesquisas de Mihaly entrevistando alpinistas, monges, pastores e uma variedade </p><p>enorme de pessoas com diferentes nveis de educao e cultura, existem elementos </p><p>comuns que indicam o que estar no estado de flow: </p><p> Completamente envolvido no que se est fazendo: com foco e concentrao </p><p> Um sentimento de xtase, de estar fora da realidade do dia a dia </p><p> Uma maior claridade interna, sabendo o que deve ser feito e quo bem </p><p>estamos fazendo o que deve ser feito. Temos feedback imediato </p><p> Saber que a atividade possvel, que nossas habilidades so adequadas para </p><p>a tarefa </p><p> Um sentimento de serenidade, sem preocupaes e um sentimento de estar </p><p>crescendo alm dos limites do ego </p></li><li><p> Uma idia de estar alm da dimenso temporal, totalmente focado no </p><p>momento presente. As horas parecem passar como se fossem minutos </p><p> Motivao intrnseca, seja qual for o elemento que produz o flow a nossa </p><p>prpria recompensa </p><p>Nos estudos de Mihaly, ele pode medir como as pessoas esto se sentindo a cada </p><p>10 minutos atravs de ferramentas de pesquisa. E o que ele descobriu pode ser </p><p>representado no seguinte grfico: </p><p> Grfico: o eixo horizontal representa nosso nvel de habilidades e o eixo vertical </p><p>representa os desafios diante de ns. Quanto maior o desafio e nosso grau de </p><p>competncia, maior a tendncia em encontrar flow </p><p>Em geral estamos no ponto do meio. Cada pessoa encontra o flow quando est </p><p>fazendo aquilo que realmente gosta. Quando temos controle temos um bom </p><p>domnio do que estamos fazendo, mas no nos sentimos muito desafiados. A apatia </p><p> o ponto mais negativo de todos. </p><p>Vdeo: palestra de Mihaly Csikszentmihalyi no TED Talks. Existe a opo de ativar </p><p>legendas em portugus. </p><p>Hedonismo traz felicidade? Mas e com relao a assistir televiso, uso de entorpecentes e dormir? No so </p><p>atividades que geram prazer? </p><p>Apesar destas atividades serem prazerosas, elas envolvem pouca determinao e </p><p>fora de vontade consciente. Assim, no promovem nosso crescimento. O desafio </p><p>muito baixo e portanto essas atividades de puro prazer que exigem pouca habilidade </p><p>nos levam ao relaxamento, tdio ou, pior: apatia. </p><p>A busca por ordem e por significado A pesquisa de Mihaly, documentada em detalhes no livro A Descoberta do Fluxo (link </p><p>afiliado Submarino) indica que se meramente formos passivos, nossas chances de </p><p>alcanar a felicidade so baixas. como se o ser humano no fosse naturalmente </p><p>construdo para encontrar felicidade como estado padro. </p><p>Mihaly prope pensarmos no universo em termos de ordem e caos (ou </p><p>entropia/desordem). Em sua teoria, humanos acham que a organizao prazerosa </p><p>http://www.submarino.com.br/produto/1/71229/?franq=248699</p></li><li><p>por si s. Esta constatao pea fundamental da teoria de flow: a satisfao humana </p><p>est no processo de trazer ordem e controle para nossas vidas. </p><p>Freud e o estado de flow O trabalho de Mihaly tem muita influncia de Carl Jung e de Sigmund Freud. No caso </p><p>de Freud, a idia do id a representao dos desejos animais e instintivos do corpo, </p><p>enquanto o superego representa o mundo externo que modela nossa prpria </p><p>imagem. </p><p> o ego que representa a conscincia que possui autonomia apesar de nossos </p><p>instintos e dos mecanismos de controle da sociedade. </p><p>Assim como diz Clvis de Barros Filho ao palestrar sobre a boa vida a ser vivida, </p><p>Mihaly aponta para a autodeterminao como o caminho para que a conscincia seja </p><p>livre e feliz. Uma pessoa que faz aquilo que entende ser o correto vai adquirindo </p><p>experincia e, com isso, mais habilidades. </p><p>Esse o ponto interessante da pesquisa de Mihaly: a cada momento que superamos </p><p>nossos desafios, evoluimos e adquirimos maior complexidade, ficando prontos para </p><p>desafios maiores. uma espiral virtuosa. Continuando esse processo, estamos na rota </p><p>de tornarmos indivduos extraordinrios. </p><p>Assim, as oportunidades que permitem atingir o flow so viciantes: sem elas, a vida </p><p>seria chata, sem sentido ou cheia de ansiedade. </p><p>Para Mihaly, a felicidade pode ser aumentada ao fazermos aquilo que amamos. </p><p>Qual o sentido da vida? Ao invs de buscar uma explicao esotrica para nossa existncia, Mihaly prope </p><p>uma explicao subjetiva, pessoal: o significado da vida qualquer coisa que seja </p><p>significante para mim. </p><p>http://papodehomem.com.br/boa-vida/</p></li><li><p> Imagem: arte feita com palitos de dente. Conhea mais. </p><p>Se eu amo fazer esculturas com palitinhos de dente, ento esse o meu barato. o </p><p>que d signficado para a minha vida. Voc pode achar perda de tempo, mas o que </p><p>preenche a minha vida de significado e eu no tenho como explicar o motivo, apenas </p><p>sei que algo que me traz prazer e posso passar horas e horas fazendo isso sem </p><p>perceber o tempo passar. O que caracteriza essa escolha 1) um senso de propsito </p><p>e 2) auto-conhecimento. </p><p>Sobre o propsito, recomendo fortemente a leitura de Em Busca de Sentido: Um </p><p>psiclogo no campo de concentrao (link afiliado Submarino) de Viktor Frankl, </p><p>judeu que sobreviveu a um campo de concentrao. Mesmo em uma das piores </p><p>situaes que se pode imaginar um ser humano, ele encontrava felicidade em sua </p><p>vida, atravs do propsito: imaginava como seria dar aulas em faculdade relatando </p><p>as experincias psicolgicas do campo de concentrao. </p><p>Nesse caso, o propsito geralmente algo que transcende nosso interesse imediato. </p><p>O prprio flow nos deixa mais conscientes de nossa existncia e como nos </p><p>relacionamos com o mundo. Mihaly se aproxima de outros pensadores otimistas que </p><p>imagina uma sociedade em que a populao est altamente engajada e apaixonada </p><p>por aquilo que faz. </p><p>http://www.crookedbrains.net/2009/08/sculptures.htmlhttp://www.submarino.com.br/produto/1/24735?franq=248699http://www.submarino.com.br/produto/1/24735?franq=248699</p></li><li><p>A cultura da era industrial tinha uma clara distino entre o que era trabalho e o que </p><p>era prazer. Hoje, cada vez mais possvel examinar o trabalho realizado por um </p><p>profissional e nos indagarmos se algo que induz flow ou no. </p><p>Como o seu relacionamento com o trabalho que realiza hoje? Existem formas de </p><p>promover um redesign na forma como se engaja no trabalho ou acredita ser </p><p>necessrio mudar completamente? </p><p> Copyright 2009 Edutain Ltd. Todos os direitos reservados. </p></li></ul>