Monografia - Carvão Mineral - Seminário

  • View
    273

  • Download
    7

Embed Size (px)

Transcript

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS FACULDADE DE ENGENHARIA MECNICA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA TRMICA E FLUIDOS

CARVO MINERAL

Autores:

Geraldo Jesus Camilo de Campos R.A. 010610

Orientador: Prof. Dr. Caio Glauco Snchez.

Curso: Engenharia Mecnica rea de Concentrao: Trmica e Fluidos Seminrio apresentado ao Prof. Dr. Caio Glauco Snchez, como requisito para a aprovao na disciplina IM 338 - Tecnologia da Gaseificao.

Campinas, 2005. S.P. Brasil. 1

Carvo mineralPrefcio Carvo mineral a maior fonte de energia na forma de combustvel fssil, mundialmente e no Brasil, e a humanidade precisa continuar utilizando este combustvel no futuro prximo apesar do carvo ser o combustvel mais sujo dos fsseis causando os maiores danos a sade humana e ao meio ambiente. Em diversos pases continuam sendo realizadas pesquisas para diminuir estes efeitos e um dos resultados promissrios o sistema integrado de gaseificao e ciclo combinado, IGCC. A seguir, so apresentados aspectos bsicos do carvo em geral, do sistema IGCC e do carvo brasileiro que de qualidade muito baixa. Origem A origem do carvo mineral a vegetao, principalmente madeira, acumulada nos tempos geolgicos em brejos e outros locais midos com taxas reduzidas de decaimento. Inicialmente a turfa formada e aps enterro por sedimentao e outros processos transformada em carvo por processos geolgicos incluindo altas temperaturas e presses. Esta transformao lenta e dependendo do tempo e das condies de cada local so formadas diversas classes de carvo. Carvo de boa qualidade vem dos perodos entre o Ternrio, dezenas de milhes de anos atrs e o Devoniano, at 400 milhes de anos atrs.

2

As espessuras de jazidas comercialmente exploradas podem ser menores que um metro ou at maiores que cem metros. Junto com os madeiras podem ser acumulados diversos materiais como areia e terra e, tambm, pode haver intruso dos materiais em volta. Carvo minado contem, alm do carbono, diversos minrios tais como argila e quartzo que formam a cinza quando o carvo queimado, materiais volteis e umidade. Diversos materiais qumicos tais como benzeno e tolueno so extrados do carvo e utilizados em indstrias qumicas. Classificao Quatro classes so usadas comumente para expressar a qualidade de carvo: antracite, betuminoso, subbetuminoso e linhito. As classes so divididas em subclasses. Subclasses de mais alta qualidade so definidas por teores de carbono e de materiais volteis, excluindo umidade e materiais minerais. Meta-antracite a subclasse de mais alta qualidade com o maior teor de carbono (>98%) e a menor incluso de materiais volteis (. 7. Gasification technologies, 8. http://www.fe.doe.gov/coal_power/gasification/ind ex.shtml>. 9. Integrated Gasification Combined Cycle Systems, 10. http://www.siu.edu/~coalctr/integascc.htm>. 11. Tampa Electric Integrated Gasification Combined-Cycle, . 12. Geraldo Milioli, Abordagem ecossistmica para a minerao: uma perspectiva comparativa para Brasil e Canad, 8. A indstria de minerao de carvo no Brasil - Idias para o futuro: o caso de Santa Catalina, 15

. Instituto de Eletrotcnica e Energia, USP, Estatstica nacional, Balano Energtico Nacional 1997, 13. http://infoener.iee.usp.br/estatisticas/estatis tica_nac/estatistica_nac.htm>.

16