Monografia Gracielle Pedagogia 2009

  • Published on
    06-Jun-2015

  • View
    7.543

  • Download
    3

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Pedagogia 2009

Transcript

<ul><li> 1. 11 INTRODUOO interesse de estudar sobre a atuao do pedagogo nas empresasnasceu da nossa trajetria profissional e acadmica. Por muitos anos,desempenhando funes tcnicas em empresas de mdio e grande porte, otrabalho educativo sempre esteve presente em nossas atividades dirias. Aospoucos, devido ao interesse e habilidade natural em lidar com a dinmica doensinar e aprender desenvolvida nas empresas foram surgindo oportunidadesde crescimento profissional na rea de Recursos Humanos que nos possibilitoua buscar sempre mais conhecimentos no tocante educao, humanizao ecapacitao de pessoas. Porm, apesar do sucesso que o trabalho vinhaalcanando, a prtica pedaggicadesenvolvida era carregadadeinformalidade, resultado de uma indevida dicotomia entre a teoria e a prtica,gerada pela formao extremamente tcnica e pela falta de conhecimentossobre a cincia da educao.Constatamos, ento que, para tornar a prtica educativa mais eficaz, sercapaz de trabalhar com maior rigor conceitual, sistematizar adequadamente osconhecimentos, ter uma clara definio dos fins a serem atingidos pelostreinamentos e escolher os meios mais eficazes a serem utilizados, era precisofazer algum curso que proporcionasse o conhecimento necessrio paradesenvolver o processo educacional. Foi ento que o curso de graduao dePedagogia na Universidade do Estado da Bahia Campus VII nos fezapaixonar ainda mais pela educao de pessoas. Apesar do curso a priori estardirecionado educao formal escolarizada, tornou-se bastante til eaproveitvel para as atividades na educao organizacional. medida que o curso prosseguia, mais e mais, a presena doprofissional de Pedagogia nas organizaes se fazia mais importante, pois, osprincpios filosficos, sociolgicos e antropolgicos, as metodologias, adidtica, a teoria do trabalho por projetos, dentre outros contedos estudados,muito contribuam para o desenvolvimento e sucesso dos trabalhos educativos</li></ul><p> 2. 12na empresa. Porm, isto no era suficiente e a busca pela transposio dossaberes pedaggicos realidade organizacional era rdua e solitria, pois oprojeto pedaggico do curso de Pedagogia no contemplava nenhum contedoespecfico com enfoque para a rea de Gesto de Pessoas, que favorecesse odesenvolvimento do processo educacional desenvolvido nas empresas.Entretanto, partindo da nossa experincia pessoal na empresa Embasa Empresa Baiana de guas e Saneamento/ UNS Unidade de Negcios deSenhor do Bonfim BA, exercendo atividades na Gesto de Pessoaslaboramos este trabalho de concluso do curso de Pedagogia com habilitaoem Docncia e Gesto dos Processos Educativos, evidenciando a necessidadeda atuao do Pedagogo como educador organizacional e parceiro dos demaisprofissionais nos setores de Recursos Humanos.Neste trabalho, procuramos contribuir para o conhecimento sobre aeducao do trabalhador promovido pelas empresas e proceder anlisedeste processo pelo vis da Pedagogia que se ocupa do ensino-aprendizagemnas organizaes empresariais.Para tanto, foram utilizadas pesquisas bibliogrficas enriquecedoras quenortearam o nosso trabalho concernente grande contribuio desseprofissional nos diversos setores organizacionais e a nossa metodologia detrabalho, constituiu-se, na primeira parte, em uma reviso bibliogrfica daproduo acadmica encontrada sobre o tema, o dilogo e a identificao desemelhanas e contrapontos presentes nas idias de autores dedicados sreas de Gesto de Pessoas com autores da Educao e Trabalho, e entreaqueles das reas de Educao e os da Pedagogia Empresarial (Amaral,Ribeiro, Chiavenato, Martins, Ferreira, Bom Sucesso, Pimenta, Almeida,Lopes, Santos, Libneo, Greco, entre outros).Na segunda parte, constituda pela pesquisa in lcus, identificamos,atravs de questionrio fechado e entrevistas aos gestores e componentes da 3. 13Embasa/UNS - Unidade de Negcios de Senhor do Bonfim-BA, a respeito daimportncia da atuao do Pedagogo na Gesto de Pessoas, para atravs daanlise dos discursos destes profissionais, elucidarmos as questespesquisadas.As principais questes que nortearam este trabalho e constituram parteimportante para situar o contexto e a problemtica da pesquisa foramreferentes ao conhecimento do perfil do Pedagogo que atua nas organizaesempresariais e sua viso sobre a profisso, a contribuio que d aodesenvolvimento profissional do trabalhador, as suas opinies sobre oprocesso educativo realizado pelas empresas e, especialmente, o que constituio nosso objeto de estudo, os saberes utilizados e mobilizados por ele para estaprtica educativa.Sob o ponto de vista da educao e do mundo do trabalho, este trabalhoobjetiva, sobretudo, trazer a educadores, empresrios e gestores, um novoenfoque acerca da necessidade de uma abordagem pedaggica nosprogramas de educao desenvolvidos nas empresas, no sentido de que oprocesso de ensino-aprendizagem que se processa nas organizaesempresariais possa contribuir para a educao integral do trabalhador e para aconstruo de sua cidadania.Em relao rea da Pedagogia, o objetivo trazer, atravs da leituradeste trabalho, uma oportunidade de reflexo e tomada de deciso em relaoao desenvolvimento dos saberes necessrios atuao do Pedagogo, paraque tanto estes, quanto os seus formadores, possam vislumbrar nasorganizaes empresariais espaos para o desenvolvimento de umaverdadeira prtica educativa, benfica ao trabalhador, sociedade e ao prprioPedagogo enquanto profissional.A Educao na empresa uma ferramenta que tem como princpioaprender e aplicar. Os programas de capacitao tcnica e a valorizao 4. 14profissional produzem um grau elevado de desenvolvimento profissional emotivao pessoal para os trabalhadores.Nessa perspectiva, surgem alguns questionamentos a serem abordadosno decorrer deste trabalho:a) Qual a contribuio do profissional de pedagogia nas organizaesempresariais?b) Como a Pedagogia Empresarial tem ganhado cada vez mais espao nomercado mundial de trabalho?c) At que ponto a ao educativa est inserida na Gesto de Pessoas? Equal a importncia de atuao do Pedagogo nesses setores?d) Qual a viso dada pelos gestores e componentes da Embasa/UNS emrelao contribuio desenvolvida pelo pedagogo empresarial nestaempresa? 5. 15 CAPTULO I1.1 O Pedagogo: Novas Perspectivas de AtuaoAs transformaes ocorridas no Brasil e no mundo nesses ltimostempos, decorrentes de um conjunto de eventos polticos, tcnicos, sociais eeconmicos, esto associadas ao processo de reestruturao produtiva e fezas instituies de ensino, cientistas, pesquisadores e empresas voltarem suaateno para a necessidade de desenvolvimento das pessoas no contextoempresarial. A reestruturao produtiva torna-se possvel pela difuso de inovaestecnolgicas e organizacionais nas cadeias produtivas e pela reorganizaodos mercados internos e externos em cada pas. A globalizao que seconsolida no mercado mundial com o advento da Internet muda as relaes deconsumo e o comportamento do consumidor. As formas como as pessoas secomunicam e se relacionam passam a ser fator de peso no encaminhamentoda sua formao profissional. A formao profissional no cessa com aconcluso de um curso. Qualquer que seja, ela precisa continuar e acomodar-se no esprito do profissional sob pena de dissipar-se e desaparecer com otempo.Qualificar pedagogos e administradores para atuarem no mbitoempresarial, visando os processos de planejamento, capacitao, treinamento,atualizao e desenvolvimento do corpo funcional da empresa o foco daPedagogia Empresarial. As mudanas nos requisitos de qualificao dosprofissionais podem tanto potencializar os mecanismos de excluso socialeconmica, quanto pode significar, aliado as propostas mais amplas deredemocratizao da sociedade, instrumento importante de construo dacidadania, incluso social, incluso digital e crescimento econmico do pas. 6. 16 Neste sentido, torna-se imprescindvel no interior das empresas, rgospblicos, instituies educativas e escolares de todos os nveis, Infantil,Fundamental, Mdio, Superior, Jovens e Adultos e Profissionalizantes, apresena de profissionais com conhecimentos especializados em educao,qualificados na gesto, organizao, planejamento, avaliao, seleo,recrutamento e treinamento de funcionrios. A educao assume granderelevncia perante essa reestruturao do mundo do trabalho. No universoprodutivo, portanto, faz-se necessrio que o profissional da educao, dotadode bases tericas e metodolgicas slidas, assuma um espao de formaefetiva no interior das organizaes. De fato, a sobrevivncia em mercados competitivos exige posturasinovadoras, arrojadas e principalmente, calcados de reconhecimento evalorizao do ser humano, alicerce fundamental a qualquer negcio.(CHIAVENATO, 1992, p. 52) A atuao desse novo profissional precisa ocorrerde forma relacionada e cooperativa com a dos outros profissionais de gesto.Assim ser possvel elaborar e consolidar planos, projetos e aes que visemcolaborar para a melhoria da atuao dos funcionrios, bem como paramelhorar o desempenho da empresa. O que o pedagogo empresarial busca efetivar os saberes corporativose com o seu domnio colaborar para a melhoria do clima organizacional, daqualidade laboral, da qualidade de vida e aumento da satisfao pessoal detodos. A atuao do pedagogo empresarial est aberta. ampla e extrapola aaplicao de tcnicas visando estabelecer polticas educacionais no contextoescolar. Sua atuao avana sobre as pessoas que fazem as instituies eempresas de todos os tipos, portes e reas. A contemporaneidade revela umasociedade pedaggica (Beillerot, 1985, p. 41), revelando amplos campos deatuao pedaggica, definindo ao pedagogo duas esferas de ao educativa:escolar e extra-escolar. 7. 171.2 O Pedagogo Escolar x Extra-Escolar: Formao e rea de AtuaoA educao est inserida nos diversos campos da sociedade, como:famlia, escola, organizaes etc., ou seja, ela vai alm do sistema educacionalformal. O indivduo passa por processos educativos constantemente,interferindo assim no seu comportamento de forma cognitiva, social e afetiva.Esses conhecimentos so transmitidos atravs de reportagens sobre variadostemas, como meio-ambiente, drogas, sade e etc. uma forma deconscientizar as pessoas para um determinado problema.Libneo (2000) refere que o pedagogo est inserido em dois espaos naprtica educativa: a escola e a extra-escola. No campo da ao pedaggicaescolar destacam-se trs tipos de atividades:a) a de professores do ensino pblico e privado de todos os nveis de ensino edos que exercem atividades correlatadas fora da escola convencional;b) a de especialista da ao educativa escolar operando nos nveis centrais,intermedirios e locais dos sistemas de ensino (supervisores pedaggicos,gestores, administradores escolares, planejadores, coordenadores orientadoreseducacionais, etc);c) Especialistas em atividades pedaggicas paraescolares atuando em rgospblicos, privados e pblicos no-estatais, envolvendo associaes populares,educao de adultos, clnicas de orientao pedaggica/psicolgica, entidadesde recuperao de deficientes etc, (instrutores, tcnicos, animadores,consultores, orientadores, clnicos, psicopedagogos, etc.)No campo extra-escolar destacam-se profissionais que exercem deforma sistemtica atividades pedaggicas e os que ocupam apenas parte deseu tempo nestas atividades: 8. 18a) formadores, animadores, instrutores, organizadores, tcnicos, consultores,orientadores, que desenvolvem atividades pedaggicas (no-escolares) emrgos pblicos, privados e pblicos no-estatais, ligadas s empresas, cultura, aos servios de sade, alimentao, promoo social etc;b) formadores ocasionais que ocupam parte de seu tempo em atividadespedaggicas em rgos pblicos estatais e no estatais e empresas referentes transmisso de saberes e tcnicas, ligados outra atividade profissionalespecializada. O campo da atividade pedaggica extra-escolar extenso. Inclui-se toda a gama de agentes pedaggicos que atuam no mbito da vida privada e social: pais, famlias, trabalhadores voluntrios em partidos polticos, sindicatos, associaes, centros de lazer, etc. (PIMENTA, 1998, p. 125)Dentre as atividades pedaggicas no campo extra-escolar, a empresa sedestaca por reconhecer gradativamente a necessidade de desenvolverpessoas. A fase em que o empregado era visto apenas como executante detarefas est sendo superada. Hoje o empregado passa a ser incentivado aoauto-conhecimento, a empresa necessita ter pessoas com um elevado grau deconhecimento para garantir a qualidade de seus produtos. Isto se tornapossvel medida que os empregados desenvolvem seu senso criativo e agemde forma eficaz diante da soluo de problemas, ou seja, o empregado deveadquirir competncias cognitivas e comportamentais e isso s possvelatravs da educao.Tais observaes nos levam a refletir sobre a incluso do pedagogo emoutros campos de atuao, visto que, existe carter intencional na educaoempresarial, portanto necessria uma ao pedaggica.Desse modo, o curso de pedagogia deveria levar em considerao aquesto dessa intencionalidade da educao e desenvolver o pedagogotambm para atuar em outras reas profissionais. 9. 19Para Libneo (2000, p.56) A sociedade foi se tornando cada vez maispedaggica, enquanto a quantidade e qualidade profissional dos pedagogosforam diminuindo.Diversificar as aes do pedagogo significa valorizar o seu papel nasociedade, pois sabemos que existe de certa forma, uma desvalorizao desseprofissional no mercado de trabalho no momento que ele parte em busca deoutro campo de atuao.Para a sociedade o pedagogo s tinha competncias para desenvolvertrabalho no sistema educacional formal. Mas, felizmente esse paradigmaanteriormente arraigado tem sido substitudo por novas perspectivas. Opedagogo aos poucos vem conquistando novos espaos de atuao no scomo educador, mas tambm como construtor de idias muito alm dasescolas e instituies, contudo, para as empresas organizacionais que soescolas de produo.Diante de nossas experincias profissionais na empresa Embasa/UNSUnidade de Negcios de Senhor do Bonfim na rea de Gesto de Pessoas, anossa questo de pesquisa refletir neste presente estudo sobre a importnciada atuao do Pedagogo Empresarial na ao educativa organizacional bemcomo parceiro dos demais profissionais nos setores de Recursos Humanos.Nessa perspectiva, apresentamos os objetivos a serem propostos nessetrabalho distribudos da seguinte forma:1.3 Objetivos geral e especficos:1.3.1 Objetivo Geral: Analisar as aes educativas dentro daPedagogia Empresarial. 10. 20 1.3.2 Objetivo Especfico: Elucidar a relevncia da presena dopedagogo na Gesto de Pessoas, e nos setores de Recursos Humanos paraos gestores e componentes da Embasa/UNS. 11. 21CAPTULO II QUADRO TERICO A fim de analisar e refletir acerca das prticas educativas dentro daPedagogia Empresarial, no decorrer deste captulo, abordaremos a relevnciada presena do pedagogo nas organizaes empresariais, atravs de nossasexperincias vivenciadas na rea de Gesto de Pessoas da Embasa/UNS Unidade de Negcios de Senhor do Bonfim e utilizaremos os seguintesconceitos que nortearam o nosso estudo: Pedagogia, Pedagogia Empresarial,O Pedagogo Empresarial.2.1 Pedagogia: Breve Histrico A Pedagogia um tema muito rico, e...</p>