Monografia Tatiane Pedagogia 2011

  • Published on
    05-Jun-2015

  • View
    6.742

  • Download
    2

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Pedagogia 2011

Transcript

<ul><li> 1. UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA-UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAO CAMPUS VIICOLEGIADO DE PEDAGOGIATATIANE DA SILVA LIMA PEDAGOGIA EMPRESARIAL: A ATUAO DOSPEDAGOGOS NAS EMPRESAS DE SENHOR DO BONFIM BASENHOR DO BONFIM 2011</li></ul><p> 2. UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA-UNEB DEPARTAMENTO DE EDUCAO CAMPUS VIICOLEGIADO DE PEDAGOGIATATIANE DA SILVA LIMA PEDAGOGIA EMPRESARIAL: A ATUAO DOSPEDAGOGOS NAS EMPRESAS DE SENHOR DO BONFIM BA Monografia apresentada ao Departamento de Educao / Campus VII Senhor do Bonfim, da Universidade do Estado da Bahia, como parte dos requisitos para obteno de graduao no Curso de Pedagogia com Habilitao em Docncia e Gesto de Processos Educativos. Orientadora: Prof Beatriz BarrosSENHOR DO BONFIM 2011 3. TATIANE DA SILVA LIMA PEDAGOGIA EMPRESARIAL: A ATUAO DOS PEDAGOGOS NAS EMPRESAS DE SENHOR DO BONFIM BA.Monografia apresentada ao Departamento de Educao-Campus VII, da Universidade do Estado da Bahia, como partedos requisitos para obteno de graduao no Curso dePedagogia com Habilitao em Docncia e Gesto deProcessos Educativos.Aprovada em_______de ________________de 2011. BANCA EXAMINADORA _______________________________________________________Prof Beatriz Barros- Universidade do Estado da Bahia-UNEB Orientadora _____________________________________________________ Prof................................................................................Universidade do Estado da Bahia UNEB Examinadora _____________________________________________________ Prof............................................................................ Universidade do Estado da Bahia UNEBExaminadora 4. A DEUS, este ser supremo fonte de toda graa evirtude.Ao meu amado PAI Pedro Alves Lima, meuorgulho e exemplo de vida, homem sbio, quesendo morador da zona rural, com poucaescolaridade, no mediu esforos para a minhaformao.As minhas trs MES do corao: Josefa AlvesLima (av), Maria Anglica de Souza (tia emadrinha), ambas in memria, e Raquel OliveiraReis (me). So elas minhas refernciasfemininas de determinao e carter.Ao meu amado NOIVO Gilson Mendes de Souza Presente de DEUS na minha vida. Meucompanheiro de todas as horas, que mecompreende e incentiva cotidianamente. 5. AGRADECIMENTOSA minha orientadora PROF. BEATRIZ BARROS pela pacincia e pelas importanteslies oferecidas do incio at a concluso deste trabalho.A PROF SIMONE WANDERLEY pelas orientaes oferecidas que muitocontriburam para as melhorias realizadas nesta produo.A PROF MARIA GLORIA DA PAZ por me instruir na fase inicial deste estudo. E aocolega LUCIMAR BATISTA DE ANDRADE pela sua contribuio na finalizao domesmo.Aos (as) AMIGOS (AS) CONQUISTADOS (AS) na minha trajetria no curso depedagogia da UNEB- Campus VII, em especial a ERIVNIA DE SOUZA SILVA.A todo CORPO DOCENTE da Universidade do Estado da Bahia- UNEB e, emespecial, aos Docentes do Curso de Pedagogia, cujos ensinamentos jamais seroesquecidos. 6. RESUMOO presente trabalho consiste em uma abordagem sobre o novo cenriomercadolgico que surge para o pedagogo na contemporaneidade em espaos no-formais, enfatizando dentro desse cenrio a empresa como um ambiente rico emnovas perspectivas para esse profissional. Adentramos o universo da pedagogiaempresarial a partir do estudo da vivencia dos pedagogos que atuam emorganizaes empresariais da cidade de Senhor do Bonfim-Ba. Trata-se, portanto,de uma investigao acerca da realidade da pedagogia empresarial na cidade, apartir da viso dos prprios pedagogos que atuam na rea, elucidando a identidadedesse profissional e desmistificando os desafios e expectativas encontrados nessenovo nicho de mercado.Palavras-Chave: Pedagogo, Identidade profissional, Pedagogia Empresarial. 7. LISTA DE ABREVIATURASSIGLA SIGNIFICADOANFOPE Associao Nacional pela Formao dos Profissionais da EducaoCERB Companhia de Engenharia Ambiental e Recursos Hdricos da Bahia- Ncleo Regional de SenhorEmbasaEmbasa- Empresa Baiana de guas e Saneamento S.A CFE Conselho Federal de Educao CNE Conselho Nacional de Educao RHRecursos Humanos 8. SUMRIO9INTRODUO1. CAPTULO I PROBLEMTICA121.1 A busca da identidade: um breve histrico do curso de12Pedagogia1.2 A pedagogia frente ao mundo contemporneo: Perspectivas alm dos muros da escola 172. CAPTULO II QUADRO TERICO 20 2.1. Pedagogo: Que profissional esse?20 2.2. Identidade Profissional do pedagogo 24 2.3. Pedagogia Empresarial 283. CAPITULO III METODOLOGIA 343.1. A pesquisa Qualitativa 343.2. Lcus de Pesquisa353.2.1. A Cerb353.2.2. A Embasa363.3. Sujeitos da pesquisa 363.4 . Estratgias e Instrumentos da Pesquisa373.4.1. Questionrio Fechado 373.4.2. A Entrevista Semi- Estruturada 384. CAPITULO IV ANALISE DE DADOS E INTERPRETAO DOSRESULTADOS394.2. O perfil dos sujeitos39 9. 4.2.1. Idade e Gnero394.2.2. Grau de escolarizao e tempo de formao 414.2.3. Tempo de servio na empresa e Requisitos da contratao 43 4.2.4. Situao Contratual: Terceirizado ou Efetivo 444.2.5. Remunerao 45 4.3. Ouvindo os Pedagogos: A realidade profissional narrada pelossujeitos 46 4.3.1. A dicotomia entre cargo e atividades desenvolvidas 46 4.3.2. A formao acadmica auxiliando a prtica49 4.3.3. A valorizao profissional no espao empresarial 514.3.4. A contribuio do pedagogo para o espao empresarial53CONSIDERAES FINAIS 55REFERNCIAS58ANEXOS 61 10. INTRODUOO desejo de estudar a pedagogia empresarial nasceu da nossa trajetria acadmicae profissional. No que se refere a nossa trajetria acadmica, a histria comea logona nossa opo no vestibular pelo curso de Pedagogia, que naquele momento erauma opo por falta de opo (grifo nosso), pois, na nossa viso de recmconcluintes do ensino mdio, a Pedagogia nos levaria a apenas um caminho peloqual acreditvamos no ter vocao: a docncia. Porm, como a Universidadenaquele momento dispunha apenas de dois cursos de bacharelado (Enfermagem eCincias Contbeis) pelos quais no tnhamos aptido, e todos os outros cursoseram Licenciaturas que acreditvamos ter como destino tambm, apenas adocncia, resolvemos ento, ingressar na pedagogia por esta ser uma rea dentrodas cincias humanas, que favorece a ampliao de nossa leitura de mundo.J na primeira semana de aula do curso de Pedagogia da UNEB- Campus VII apsum breve comentrio da professora quanto aos campos de atuao do pedagogo,nos sentimos entusiasmados ao ouvir falar em Pedagogia Empresarial. Apesar de ocurso ter sido direcionado ao longo da maioria dos semestres para a docncia, atmesmo no que se referia aos projetos de pesquisa que desenvolvamos, nossointeresse pela Pedagogia empresarial no morreu, apenas adormeceu por doisanos, at surgir a oportunidade de desenvolver um estgio extra-curricular numaempresa da cidade. Aqui comea a nossa trajetria profissional que apontamos noinicio deste texto.A oportunidade de desenvolver a pedagogia dentro da empresa atravs do estgionos causou grande entusiasmo, apesar de at aquele momento no termosconhecimento quanto ao papel do pedagogo dentro de um ambiente empresarial.Assim, ingressamos na empresa atuando dentro do setor de RH e l permanecemosat o termino do estgio aps um ano. A partir do ingresso iniciamos um perodo deleituras sobre a pedagogia empresarial, no intuito de conhecer qual seria o nossotrabalho naquela empresa e para a nossa surpresa, a realidade encontrada noslivros estava muito distante do trabalho que passamos a desenvolver durante oestgio, pois, apesar de em alguns momentos sermos solicitados a desenvolvertarefas prprias da Pedagogia Empresarial, as nossas atividades eram na sua 11. grande maioria meramente burocrticas e, alm disso, nohavia oacompanhamento direto com um pedagogo dentro da empresa que nos pudesseorientar como requer o desenvolvimento do estgio.Precisamos ressaltar que a graduao em pedagogia nos conquistou, de maneiraque aquela viso inicial de opo por falta de opo foi totalmente desfeita e hojereconhecemos que a nossa escolha pela pedagogia foi muito produtiva, apesar docurso em si ter deixado algumas lacunas na nossa formao quanto a atuao dopedagogo em espaos no-formais. Assim, tambm, o estgio realizado dentro doambiente empresarial deixou suas lacunas no que se refere criao deoportunidades de conhecimento e desenvolvimento da pratica pedaggica dentro doambiente organizacional, apesar de ter sido por outro lado, um solo rico emaprendizado em tudo o que se refere ao conhecimento da estrutura e funcionamentode uma empresa.Assim, das lacunas sobre a atuao do pedagogo em espaos no formais deixadaspela graduao em Pedagogia, somadas as lacunas deixadas pelo prprio estgioem Pedagogia Empresarial, surgiu o nosso interesse em estudar mais sobre aPedagogia Empresarial.Neste trabalho, portanto, procuramos conhecer a realidade da pedagogiaempresarial na cidade de Senhor do Bonfim BA, a partir da viso dos prpriospedagogos que atuam na rea, elucidando a identidade desse profissional,desmistificando os desafios e expectativas encontrados nesse novo nicho demercado. Para tanto, foram utilizadas a pesquisa bibliogrfica e posteriormente apesquisa de campo.O primeiro captulo deste trabalho consiste em uma abordagem geral da nossatemtica de estudo, onde realizamos um conciso histrico referente ao pedagogo eao curso de pedagogia no Brasil e uma abordagem sobre o novo cenriomercadolgico que surge para o pedagogo na contemporaneidade em espaosextra-escolares, enfatizando dentro deste cenrio o ambiente empresarial.No segundo captulo realizamos uma reflexo sobre a nossa temtica a partir dacontribuio de alguns tericos que trazem uma discusso em torno dos nossos 12. conceitos chave. Entre esses autores destacamos Libneo como a principalcontribuio terica para a realizao do nosso estudo, ao trazer uma discussoriqussima sobre a formao e a identidade do pedagogo nos temposcontemporneos.O capitulo III, refere-se ao caminho metodolgico percorrido para a realizao dessetrabalho, onde elucidamos a nossa escolha pela pesquisa qualitativa. Alm disso,apontamos nossa opo pelo questionrio fechado e entrevista semi-estruturadagravada como instrumentos de coleta de dados, onde tambm apresentamos onosso lcus e sujeitos de pesquisa.J o quarto captulo consiste na anlise dos dados coletados e representa uma dasfundamentais partes do nosso trabalho, ao apresentar e interpretar a realidadepesquisada. Nesse captulo tivemos a oportunidade de confrontar a teoria estudadacom a realidade vivenciada pelos nossos sujeitos e assim encontrar o caminho pararesponder a questo de pesquisa levantada no capitulo I.Por fim apresentamos as nossas consideraes finais onde realizamos umapanhado geral do nosso estudo e conclumos, portanto, todo esse trabalho acercada realidade da Pedagogia Empresarial na cidade de Senhor do Bonfim. 13. CAPITULO I1.1 A busca da identidade: um breve histrico do curso de PedagogiaO presente trabalho consiste em uma abordagem sobre o novo cenriomercadolgico que surge para o pedagogo na contemporaneidade em espaosextra-escolares, enfatizando dentro desse cenrio a empresa como um ambienterico em novas perspectivas para esse profissional. Assim, adentraremos o universoda Pedagogia Empresarial a partir do estudo da vivencia dos prprios pedagogosempresariais atuantes na cidade de Senhor do Bonfim-Ba.Buscamos esclarecer, portanto, que frente sociedade do conhecimento queestamos vivenciando, o campo de atuao do pedagogo tem se ampliado a cadadia, desconstruindo a viso de pedagogia limitada docncia. Assim, no intuito deelucidar essa questo, consideramos ser importante abordar de forma breve atemtica da identidade profissional do pedagogo, pois temos conhecimento quediante das criticas sofridas pela pedagogia na atualidade e a falta de estudos emtorno da desmistificao do campo de atuao do pedagogo comum entre osgraduandos do curso e at mesmo os educadores j formados, uma viso superficiale reducionista sobre a pedagogia, perdurando assim, uma confuso quanto a seucampo cientfico e objeto de estudo.Nesse entendimento, realizamos neste capitulo, um conciso histrico a respeito dopedagogo, e um breve estudo sobre a trajetria do curso de Pedagogia em nossopas, dando inicio dessa forma, a uma reflexo sobre esse profissional, na busca dedesconstruir reducionismos e esteretipos que o envolvem, pincelando assim, aquesto da identidade profissional do pedagogo embasados em alguns tericosenvolvidos na discusso.A histria nos conta que os primeiros pedagogos surgiram a partir do confronto entreGrcia e Roma, onde Roma sai vencedora e entre os atenienses capturados comoescravos encontram homens detentores de habilidades e conhecimentos mltiplos, 14. que lhes causam admirao. Estes passam a ser os pedagogos-escravos,responsveis por conduzir as crianas ao caminho da escola ao tempo em quesegundo Brando (1995) [...] faziam a educao dos preceitos e das crenas dacultura da polis (p.43).Mais tarde e segundo Holtz (1999) com o desaparecimento da escravatura opedagogo escravo deixou de existir, passando ento a receber o nome dePedagogos os estudantes pobres, que aprendiam com os filsofos e se instalavam,nos castelos senhoriais e nas casas de famlias nobres, atuando como professoresencarregados da educao dos filhos dos fidalgos e dos grandes senhores. Assim,enquanto estudavam, ensinavam e recebiam em paga, apenas pequenasimportncias. Na maioria dos casos, ensinavam a troco de hospedagem,alimentao, luz e roupa lavada.Buscando conhecer um pouco da trajetria do curso de pedagogia no Brasil,recorremos a Scheibe e Aguiar (1999) e percebemos que este, foi criado comoconseqncia da preocupao com o preparo de docentes para atuarem na escolasecundria e surgiu junto com as licenciaturas, institudas ao ser organizadas aantiga Faculdade Nacional de Filosofia, da Universidade do Brasil, pelo Decreto-lein 1190 de 1939.Naquela poca, a antiga faculdade Nacional de Filosofia, possua uma organizaocurricular que separava bacharelado e licenciatura, seguindo o esquema conhecidocomo 3+1, destinando trs anos as disciplinas de contedo e um ano as disciplinasde cunho pedaggico. Assim, oferecia-se o titulo de bacharel aquele que cursasseos trs primeiros anos em estudos especficos, e de licenciado aquele que cursassemais um ano de estudos dedicados a prtica de ensino e a didtica. Segundo talesquema, o pedagogo formado, teria ento, duas possibilidades de atuao: comobacharel em Pedagogia era preparado para ocupar cargos tcnicos da educao, ecomo licenciado era destinado docncia no curso normal.De acordo com Silva (2006) Em sua prpria gnese, o curso de pedagogia jrevelava muitos problemas que o acompanharam ao longo do tempo (p.12). Entreeles, podemos destacar a exacerbada separao entre contedo e mtodo que o 15. esquema 3+1 estabelecia, e a falta de campo especfico para seus profissionais,pois, segundo Silva (2006) o bacharel no possua ainda suas funes bemdefinidas de maneira que no dispunha de campo que o demandasse; e para olicenciado a situao tambm no era das mais favorveis, pois sendo o cursonormal seu campo de atuao, este no era especifico a ele, pois para lecionarnesse curso era suficiente apenas, o diploma de qualquer formao de nvelsuperior...</p>