NOÇÕES DE ARQUIVOLOGIA - ?· de um arquivo corrente para o arquivo intermediário. (B) passagem de…

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

  • NOES DE ARQUIVOLOGIA

    ELVIS MIRANDA

  • REVISO DE VSPERA

    CONCEITOS BSICOS DE ARQUIVOLOGIA

  • (FEPESE/CELESC/2016) Em arquivologia, qual termo utilizado como referncia para designar onde ainformao registrada?

    (A) Grfico

    (B) Suporte

    (C) Mecnico

    (D) Sintomtico

    (E) Dados e informaes

    4

  • toda informao registrada,independentemente do suporte utilizado.

    5

    DOCUMENTO

  • EXEMPLOS DE SUPORTES:

    6

  • (FEPESE/CELESC/2016) Em arquivologia, qual termo utilizado como referncia para designar onde ainformao registrada?

    (A) Grfico

    (B) Suporte

    (C) Mecnico

    (D) Sintomtico

    (E) Dados e informaes

    7

  • (FEPESE/UFFS/2012) Os documentos de arquivopodem ser:

    (A) Registrados em qualquer suporte.

    (B) Registrados somente em suporte textual.

    (C) Registrados somente em suporte iconogrfico.

    (D) Registrados somente em suporte audiovisual.

    (E) No so registrados em suporte, pois o termosuporte um acessrio do arquivo.

    8

  • (FEPESE/UFFS/2012) Os documentos de arquivopodem ser:

    (A) Registrados em qualquer suporte.

    (B) Registrados somente em suporte textual.

    (C) Registrados somente em suporte iconogrfico.

    (D) Registrados somente em suporte audiovisual.

    (E) No so registrados em suporte, pois o termosuporte um acessrio do arquivo.

    9

  • CLASSIFICAO DOS DOCUMENTOS

  • (FEPESE/CELESC/2016) Qual nome dado aosdocumentos que tm suas informaes em forma deimagem esttica?

    (A) Poligrfico

    (B) Histograma

    (C) Cartogrfico

    (D) Iconogrfico

    (E) Pseudogrfico

    11

  • 12

    Escritos/TextuaisIconogrficosFilmogrficos/AudiovisuaisCartogrficosMicrogrficosSonorosInformticos

    Classificao quanto ao gnero:

  • (FEPESE/CELESC/2016) Qual nome dado aosdocumentos que tm suas informaes em forma deimagem esttica?

    (A) Poligrfico

    (B) Histograma

    (C) Cartogrfico

    (D) Iconogrfico

    (E) Pseudogrfico

    13

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) So tipologias documentais:

    (A) ofcios.

    (B) e-mails.

    (C) telegramas.

    (D) memorandos.

    (E) decretos legislativos.

    14

  • ESPCIES:

    15

    - Alvar- Certido- Declarao

    - Boletim- Diploma- Contrato

    - Ata

    - Alvar de construo- Certido de casamento- Declarao de imposto

    de renda- Boletim escolar- Diploma de graduao- Contrato de prestao

    de servios- Ata de reunio

    TIPOLOGIAS:

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) So tipologias documentais:

    (A) ofcios.

    (B) e-mails.

    (C) telegramas.

    (D) memorandos.

    (E) decretos legislativos.

    16

  • CICLO VITAL DOS DOCUMENTOS

  • (FEPESE/CASAN/2011) Aos documentos aplicam-se critrios deavaliao para identificar seus valores primrios esecundrios. O valor primrio pode ser:

    (A) Ativo, neutro e passivo.(B) Conceitual, real e virtual.(C) Palpvel, palatvel e olfativo.(D) Interessante, mediano e superado.(E) Administrativo, legal ou jurdico e fiscal.

    18

  • 19

    CICLO VITAL DOS DOCUMENTOS

    Valor primrio ou administrativo

    Valor secundrioou histrico

  • (FEPESE/CASAN/2011) Aos documentos aplicam-se critrios deavaliao para identificar seus valores primrios esecundrios. O valor primrio pode ser:

    (A) Ativo, neutro e passivo.(B) Conceitual, real e virtual.(C) Palpvel, palatvel e olfativo.(D) Interessante, mediano e superado.(E) Administrativo, legal ou jurdico e fiscal.

    20

  • (FEPESE/CELESC/2016) Qual nome dado ao arquivo que possuiem seu conjunto, documentos que so consultados de modofrequente?

    (A) Fixo(B) Voltil(C) Corrente(D) Constante(E) Intermedirio

    21

  • 22

    Constituda por documentos mais novos; Documentos sujeitos a consultas frequentes; Documentos em tramitao (em curso ou

    em andamento); Deve se localizar junto aos setores ou em locais

    prximos e de fcil acesso.

    1 IDADE: FASE CORRENTE

  • 23

    Documentos menos utilizados; Otimiza o espao dos setores; Atende s solicitaes das diversas reas da instituio; No h necessidade de ser instalado junto instituio

    (questo de economia); Os documentos aguardam a sua destinao final

    (eliminao ou guarda permanente).

    2 IDADE: FASE INTERMEDIRIA:

  • 24

    Documentos de valor histrico; Seus documentos j possuram valor administrativo

    anteriormente; No elimina seus documentos; Deve disponibilizar seus documentos para consulta

    tanto pelo pblico interno quanto ao pblico externo ea consulta no depende de autorizao da reaacumuladora.

    3 IDADE: FASE PERMANENTE

  • (FEPESE/CELESC/2016) Qual nome dado ao arquivo que possuiem seu conjunto, documentos que so consultados de modofrequente?

    (A) Fixo(B) Voltil(C) Corrente(D) Constante(E) Intermedirio

    25

  • (FEPESE/PREF. LAGES/2016) Conjunto de documentos, em tramitao ouno, que, pelo seu valor primrio, objeto de consultas frequentes pelaentidade que o produziu, a quem compete a sua administrao.

    O texto acima define:(A) Arquivo corrente.(B) Censo de arquivos.(C) Arquivo permanente.(D) Documento impresso.(E) Documentao intermediria.

    26

  • (FEPESE/PREF. LAGES/2016) Conjunto de documentos, em tramitao ouno, que, pelo seu valor primrio, objeto de consultas frequentes pelaentidade que o produziu, a quem compete a sua administrao.

    O texto acima define:(A) Arquivo corrente.(B) Censo de arquivos.(C) Arquivo permanente.(D) Documento impresso.(E) Documentao intermediria.

    27

  • (FEPESE/AL-SC/2010) O conjunto de documentos estritamente vinculados aosobjetivos imediatos para os quais foram produzidos e recebidos nocumprimento de atividades fim e meio e que se conservam junto aos rgosprodutores em razo de sua vigncia e da frequncia com que so por elesconsultados chamado de:

    (A) Arquivo de primeira idade.(B) Arquivo de segunda idade.(C) Arquivo intermedirio(D) Arquivo permanente.(E) Arquivo de custdia.

    28

  • (FEPESE/AL-SC/2010) O conjunto de documentos estritamente vinculados aosobjetivos imediatos para os quais foram produzidos e recebidos nocumprimento de atividades fim e meio e que se conservam junto aos rgosprodutores em razo de sua vigncia e da frequncia com que so por elesconsultados chamado de:

    (A) Arquivo de primeira idade.(B) Arquivo de segunda idade.(C) Arquivo intermedirio(D) Arquivo permanente.(E) Arquivo de custdia.

    29

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) A avaliao de documentosdefine quais documentos sero preservados parafins administrativos ou de pesquisa e em quemomento podero ser eliminados ou destinados aosarquivos intermedirio e permanente, segundo ovalor e o potencial de uso que apresentam para aadministrao que os gerou e para a sociedade.

    30

  • AVALIAO DOCUMENTAL

    a anlise dos documentos da instituio, a fim dedefinir seus prazos de guarda e destinao final apartir de seus valores; realizada por uma Comisso Permanente deAvaliao de documentos e resulta na Tabela deTemporalidade da instituio.

  • TABELA DE TEMPORALIDADE

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) A avaliao de documentosdefine quais documentos sero preservados parafins administrativos ou de pesquisa e em quemomento podero ser eliminados ou destinados aosarquivos intermedirio e permanente, segundo ovalor e o potencial de uso que apresentam para aadministrao que os gerou e para a sociedade.

    33

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) A avaliao de documentosarquivsticos pblicos ocorrer mediante aplicaoda Tabela de Temporalidade de documentos, queapresenta os conjuntos documentais da instituio,os prazos de guarda nas fases corrente eintermediria e a destinao final.

    34

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) A fim de acelerar o tratamentodos documentos no utilizados, as prprias unidadesadministrativas eliminam esse tipo de documentos,pois basta conhecimento do valor primrio, nohavendo, portanto, a necessidade de aplicao denormas que s burocratizam o processo.

    35

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) No mbito das instituies arquivsticas pblicas, a transferncia e o recolhimento dedocumentos so considerados, respectivamente, como:

    (A) entrada de documentos para guarda permanente em instituies arquivsticas pblicas; passagem de documentosde um arquivo corrente para o arquivo intermedirio.

    (B) passagem de documentos de um arquivo corrente para o arquivo intermedirio; a entrada de documentos paraguarda permanente em instituies arquivsticas pblicas.

    (C) passagem dos documentos do arquivo intermedirio para o permanente, visando preservar os documentoshistricos; passagem dos documentos diretamente do arquivo corrente para o permanente.

    (D) organizao dos documentos de arquivo intermedirio visando a mudana de suporte da informao; insero dosdocumentos em sistemas arquivsticos digitais para preservao dos documentos permanentes.

    (E) transferncia de documentos arquivsticos pblicos para outra esfera de atuao; recolhimento de documentospermanentes ao arquivo nacional.

    36

  • 37

    CICLO VITAL DOS DOCUMENTOS

    Valor primrio ou administrativo

    Valor secundrioou histrico

    Eliminao ouDescarte

    Transferncia Recolhimento

  • (FEPESE/MPE-SC/2014) No mbito das instituies arquivsticas pblicas, a transferncia e o recolhimento dedocumentos so considerados, respectivamente, como:

    (A) entrada de documentos para guarda permanente em instituies arquivsticas pblicas; passagem de documentosde um arquivo corrente para o arquivo intermedirio.

    (B) passagem de documentos de um arquivo corrente para o arquivo intermedirio; a entrada de documentos paraguarda permanente.

    (C) passagem dos documentos