Poesia A Arte de brincar e aprender com as ?· transforma em componente de ... . Literatura Arte ...…

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

PoesiaA Arte de brincar e aprender

com as palavras

Prof. Jos Urbano

O que vamos pensar:

A Literatura e a Sociedade

Funes e desdobramentos da Literatura

Motivao

Poesia

Em hiptese alguma a literatura tem a pretenso de atuar como um espelho da realidade.

Literatura fico, portanto, o que hnela de referncias realidade, est

transfigurado, modificado.

H uma dupla interferncia entre literatura e sociedade, no entanto, uma dimenso no se reduz a outra; ambas interagem o

tempo todo, mas uma no o espelhamento ou uma duplicao da

outra.

http://creative.gettyimages.com

Literatura e Sociedade

O crtico literrio Antonio Candido escreveu, em 1965, o livro Literatura e Sociedade, em que procurou entender como a realidade social se transforma em componente de uma estrutura literria.

Antonio Candido

Para mais informaes sobre as contribuies tericas de Antonio Candido, clique no link abaixo:

http://www.scielo.br/pdf/rbcsoc/v16n47/7717.pdf

Literatura Arte

Arte so as diferentes formas que o corpotm de fazer amor com o mundo

Rubem Alves

Por que trabalhar poesia na escola?

Doutores da Alegria O Filme

- Interao entre adultos e crianas atravs do mundo da fantasia;

- Fortalecimento de vnculos afetivos;

- Projeo no mundo da fantasia e contato com seus sentimentos e emoes;

- Elaborao de conflitos internos e externos;

- Contato com diferentes pontos de vista;

- Desenvolvimento tico;

- Desenvolvimento cognitivo;

- Aumento de vocabulrio;

- Formao de leitores primeiro se escuta paradepois contar

- Elaborao de mundo: interno e externo.

- Criatividade

Oito anos

Oito anos - Dunga / Paula TollerPor que voc flamengo

E meu pai botafogo?O que significa"impvido colosso"?

Por que os ossos doemEnquanto a gente dorme?Por que os dentes caem?Por onde os filhos saem?

Por que os dedos murchamQuando estou no banho?Por que as ruas enchemQuando est chovendo?

Quanto mil trilhesVezes infinito?Quem jesus cristo?Onde esto meus primos?

Well, well, wellGabriel...

Por que o fogo queima?Por que a lua branca?Por que a terra roda?Por que deitar agora?

Por que as cobras matam?Por que o vidro embaa?Por que voc se pinta?Por que o tempo passa?

Por que que a gente espirra?Por que as unhas crescem?Por que o sangue corre?Por que que a gente morre?

Do que feita a nuvem?Do que feita a neve?Como que se escreveR...vei...llon

Well, well, wellGabriel...

Existe mesmo Poesia para crianas?

O que poesia?

Parte mais sacrificada da Literatura Infantil

Criana gosta de Poesia?

Sensibilidade + Fantasia = Criana = Poeta

A Poesia na escola

Onde buscar poesia para crianas

Como trabalhar a poesia na escola

1.Escolha do poema (moralizador, pueril, pedaggico...)

2.O que fazer com o poema

Dicas para a escolha:

Ritmo Rima Ldica Linguagem simples Metforas Versos curtos Emoo Harmonia

Deve-se apresentar poemas:

Fceis e Difceis Curtos e Longos Com e Sem rimas O simples X O fcil

Mas o grande segredo para se despertar o gosto e a sensibilidade est na freqncia

do trabalho

Ao trabalhar Poesia

Preparar o clima:

Iluminao adequadaMsica

Levar ilustraesLeitura expressiva

Posso partir da poesia para:

Desenhos Representaes Novas histrias Novos poemas Msicas ...

Obras Literrias com poesia para crianas:

Lua no Varal Antnio Barreto A Noite um Circo sem Lona Antnio

Barreto Ou Isto ou Aquilo Ceclia Meireles Um Pouco de Tudo Elias Jos A Menina dos Olhos Elza Beatriz isso Ali Jos Paulo Paes A Arca de No Vincius de Moraes A Televiso da Bicharada Sidnio Muralha

O que se trabalha: Expresso corporal Tcnica Vocal Improvisao Interpretao Criatividade Conscincia Coletiva Desinibio Argumentao Noes Estticas tica e Moral Vocabulrio ...

O teatro da criana deve ser igual ao do adulto, s que melhor.

Stanislawsky

Quanto mais a criana viu e ouviu, tantomais ela deseja ver e ouvir.

Jean Piaget

Dicas simples mas verdadeiras: Conhecimento da turma Investimento relacional Construo e manuteno da autoridade e

liderana Explorar a curiosidade Construo de contrato (regras e normas) de

forma coletiva Valorizao do positivo Evitar mais do mesmo

Para saber mais...Literatura Infantil: Teoria e PrticaMaria Antonieta Antunes Cunha

Ed. tica

Literatura Infantil Brasileira: Histria e Histrias

Marisa Lajolo Regina Zilbermam