Revista night e cia edição 314

  • Published on
    08-Mar-2016

  • View
    274

  • Download
    46

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Pela porta da frente, Fbio Porchat entra na revista Night e Cia. Confira o bate papo sobre cinema e humor.

Transcript

  • SAVE the datesparty

  • instaecia

    @upsizeagency

    # nightecia @portalnightecia

    @siindysartor @saulo_lopes

    @ooocarlos @obrunotx @leotmotta

    @nenamafra @audionav @fcogabisampaiofans

    @evlynmaysa @mtlamim @ anandaferreira

    12

  • 13

    .com.br

    TOP 20Geralmente esto por aqui as mulheres e

    suas belezas. O visitante pode votar e eleger quem ser a nmero 1. claro que a posio

    do ranking varia, pois cada dia um voto.

    SITE EST DE CARA NOVAMais leve, mais visual, mais interessante. O site Night e Cia passou por

    pequenas transformaes para torn-lo mais prtico.

    blogGente! O blog est demais! Visitem todos os dias. Atualizado com dicas de msica, seriados, shows. o nosso movimento cultural, cheio de agradinhos especiais.

    AGENDAPrograme-se atravs da nossa agenda.

    Alm das datas e atraes, neste espao h informaes super bacanas como

    preos, horrios e ingressos.

    .com.brAfinal, uma noite no pode

    ser como qualquer outra.

  • por Josie Mendes

    EDITORIAL

    14

    EDITORIAL

    Luciana Siebert reaparece por aqui com a ilustrao para o amigo Curioso Mundo de Chris

    PG 37

    RS COLUNISTAS SE TORNARAM ENTREVISTADOS.

    CHRISTOPHER STONER ME ENCHE DE ORGULHO. CHRIS ESCREVE

    PARA A REVISTA E APARECE NESTA EDIO COM O SCIO JEFFERSON

    MATIAS PARA APRESENTAR OS TRS PROJETOS DA DUPLA: A MARCA

    SANTACOSTA, A FESTA COSMOPOLITA E O BAZAR DA BRAVA.

    E AS COLUNISTAS CARLA COSTA E DANI REBELO COMANDAM O BLOG

    REUSE IDEIAS QUE GANHOU NOVO VISUAL. ENTREVISTEI OS MEUS

    AMIGOS. ISSO FOI TO PLENO E SUAVE.

    O GAROTO DA CAPA VOC J CONHECE. EM FEVEREIRO, O

    COMEDIANTE FBIO PORCHAT ESTEVE POR AQUI NUMA DESPEDIDA

    DE SOLTEIRO NO WOODS. E FUI L BATER UM PAPO COM ELE. SUPER

    SIMPTICO, DE SORRISO FCIL. NO TNHAMOS MUITO TEMPO, MAS

    FOI O SUFICIENTE PARA GARANTIR UM BOM CONTEDO.

    E O NOSSO ESQUENTA PARA O SHOW DA CANTORA ANA CAROLINA

    QUE GENTILMENTE CEDEU UMA ENTREVISTA POR EMAIL. FALAMOS

    DO NOVO DISCO, DA TURN, DE CHICO E DA PRECIOSA BETHNIA.

    FELIZ MAIO!

    O NOVO LUXO. OLHE A SEU REDOR, LEITOR. VEJA

    COMO OS HBITOS MUDAM. OS NOVOS COSTUMES EXIGEM

    QUE SEJAMOS CAUTELOSOS COM A VIDA. AS VONTADES

    RESSURGIRAM SOFISTICADAS E DELICADAS.

    QUANDO COMECEI A ELABORAR A EDIO DE MAIO, HAVIAM

    MUITAS PAUTAS FEITAS POR IMPORTANTES DATAS CLICHS.

    MAS O MELHOR NESTE MOMENTO - AO MENOS PARA MIM -

    ERA MUDAR O ROTEIRO. ME INSPIREI EM OUTRAS DUAS DATAS.

    8 DE MAIO DIA DO ARTISTA PLSTICO, QUE INSPIROU A ESCREVER

    A MATRIA ARTE. APRESENTO ALGUNS TALENTOS DAQUI,

    QUE SE MOVIMENTAM EM PROL DA ARTE, DA VIDA. ALIS, NOS

    LTIMOS MESES VISITEI GALERIAS, EXPOSIES, BAZAR. ALIMENTEI

    A MINHA ALMA COM BOAS COMPANHIAS. SIMPLES ASSIM.

    O PRXIMO TEMA UM POUCO CHATO. NO SENDO FALSO

    MORALISTA, AFINAL SEMPRE DOU AS MINHAS PITADINHAS.

    NESTE MS O DIA MUNDIAL SEM TABACO. ME APEGUEI A DATA

    PARA A TERCEIRA TENTATIVA DE LARGAR O CIGARRO. ESCREVI

    UM TEXTO QUE ESPERO TRS REAES:

    ALERTAR, CUIDAR E TENTAR. VAMOS VER NO QUE D.

    T

  • PG 24

    15

    maio 2014

    exPedienTe

    CAPAIlustrao e Arte

    Carolina Marques - Agncia Tatticas

    Direo e IdeiaDaniel Viecili - Agncia Tatticas

    Foto: Thiago Machado

    EditoraJosie Mendes

    josiemendes@gmail.com

    DiretorCarlos Bittencourt

    COLABORADORESAndr Cordeiro, Andr Giga, Carla Costa,

    Christofer Stoner, Dani Rebelo, J Mansardo, Paulo Andr e Sheila Rosa.

    FOTGRAFOS - EQUIPE NIGHT E CIAFelipe Dantas, Guma Miranda,

    Luiz Henrique Tozetto, Ricardo Graveto, Rodrigo Alves, Tony Goulart, Thiago Machado.

    DEPTO COMERCIAL ADRIANO SOUZA . 47 8819 9597

    adriano@nightecia.com.br

    SNIA ANVERSA . 47 8405 9681

    nightecia@terra.com.br

    GIOVANI PRATEAT . 47 9702 3507

    giovani@nightecia.com.br

    JUNIOR ZAGUINI . 47 8415 7782

    juniorzaguini@hotmail.com

    TIRAGEM8.000 exemplares

    DISTRIBUIOBalnerio Cambori, Blumenau, Brusque,

    Gaspar, Indaial, Ilhota, Itaja, Itapema, Meia Praia, Navegantes e Porto Belo.

    Site: nightecia.com.brRepresentante: Wagner Bittencourt

    Rua Jorge Mattos, n 15 - CentroItaja - 47 3344 8600

    Esta revista no se responsabiliza pelas opinies emitidas em artigos assinados.

    PG 42

    PG 38

    maio 2014

    exPedienTe

    CAPAIlustrao e Arte

    Carolina Marques - Agncia Tatticas

    Direo e IdeiaDaniel Viecili - Agncia Tatticas

    Foto: Thiago Machado

    EditoraJosie Mendes

    josiemendes@gmail.com

    DiretorCarlos Bittencourt

    COLABORADORESAndr Cordeiro, Andr Giga, Carla Costa,

    Christofer Stoner, Dani Rebelo, J Mansardo, Paulo Andr e Sheila Rosa.

    FOTGRAFOS - EQUIPE NIGHT E CIAFelipe Dantas, Guma Miranda,

    Luiz Henrique Tozetto, Ricardo Graveto, Rodrigo Alves, Tony Goulart, Thiago Machado.

    DEPTO COMERCIAL ADRIANO SOUZA . 47 8819 9597

    adriano@nightecia.com.br

    SNIA ANVERSA . 47 8405 9681

    nightecia@terra.com.br

    GIOVANI PRATEAT . 47 9702 3507

    giovani@nightecia.com.br

    JUNIOR ZAGUINI . 47 8415 7782

    juniorzaguini@hotmail.com

    TIRAGEM8.000 exemplares

    DISTRIBUIOBalnerio Cambori, Blumenau, Brusque,

    Gaspar, Indaial, Ilhota, Itaja, Itapema, Meia Praia, Navegantes e Porto Belo.

    Site: nightecia.com.brRepresentante: Wagner Bittencourt

    Rua Jorge Mattos, n 15 - CentroItaja - 47 3344 8600

    Esta revista no se responsabiliza pelas opinies emitidas em artigos assinados.

    PG 18

    PG 48

    PG 46

  • ARTEEm homenagem ao Dia do Artista Plstico, comemorado em 8 de maio, nas pginas a seguir voc entrar numa dimenso que traz entrevistas, galerias, exposies. Tudo acontecendo entre Balnerio Cambori e Itaja.por Josie Mendes 3Galeria foi criada online, mas com a ideia de conquistar um espao fsico. E em abril aconteceu a primeira exposio, contou com 12 doze expositores, sendo sete artistas pela 3Galeria e mais cinco que foram convidados por meio da parceria com o coletivo de arte Vitamina Coletiva.Baza

    r Itineran

    te aparece

    por

    aqui em s

    ua 5edi

    o. Mesmo

    com

    preos su

    per acess

    veis, inc

    rvel com

    o

    o pblico

    que freq

    uenta o e

    vento tem

    conscinc

    ia de adq

    uirir o qu

    e

    realmente

    precisa. O

    u algo par

    a

    presente

    ar. Eu fiz is

    so. Uma p

    ea para

    mim, out

    ra para m

    inha ami

    ga.

    Algumas

    vezes so

    aqueles

    achados

    ,

    que no

    podemos

    deixar pas

    sar.

    Mas tu

    do feito se

    m exageir

    os.

    Isso que

    importa.

    18

    Itaja, ina

    ugurou em

    abril um

    espao de

    dicado a

    exposie

    s, a Galeri

    a Tatticas

    . Com a ide

    ia de envo

    lver

    a arte com

    o fonte de

    inspira

    o dentro d

    o prprio

    ambiente

    de trabal

    ho, agnc

    ia a pion

    eira do es

    tado a cri

    ar um espa

    o

    aberto pa

    ra visitas

    do pblic

    o dentro d

    a sua sede

    . O artista

    Retta Rett

    amozo fo

    i convidad

    o para par

    ticipar da

    estreia d

    a

    Galeria. P

    ublicitrio

    durante 4

    0 anos, su

    rpreendeu

    a todos

    com a tc

    nica que

    desenvol

    veu para p

    roduzir te

    las em 3D

    .

    Apenas co

    m pincel,

    tons que

    ntes e fri

    os, e a sua

    criativida

    de

    que est

    embutida

    em cada p

    ea.

    Um am

    biente qu

    e tem por

    carter s

    er uma

    empresa,

    e por nat

    ureza ser

    movido a

    arte. Foca

    da

    em public

    idade e p

    ropagand

    a, a agnc

    ia Tattica

    s,

  • E

  • 20

    Entre as o

    bras do a

    rtista, exis

    tem algu

    mas que

    esto na e

    xposio

    e ganham

    nova vida

    com cul

    os

    3D. Retta

    desenvol

    veu uma h

    abilidade

    para pro-

    duzir est

    a tcnica,

    que lhe p

    ermite cr

    iar obras

    com

    caracters

    ticas nic

    as e incr

    veis. Deu

    seus prim

    eiros

    passos na

    arte aos

    cinco ano

    s, na barb

    earia do s

    eu

    pai. Os clie

    ntes eram

    indagado

    s se queria

    m um

    retrato da

    quele mo

    mento. A

    maioria

    dizia sim

    e o

    artista de

    senhava c

    om canet

    a ou lpi

    s. E foi as

    sim

    que come

    ou a vive

    r de arte.

    NC: Voc f

    oi publicit

    rio dura

    nte 40 an

    os. Quand

    o

    resolveu d

    eixar a ca

    rreira de la

    do?

    RR: Em 20

    04 fiz um

    mural no

    Colgio M

    edianeira

    ,

    em Curiti

    ba com o

    planeta T

    erra, com

    o se estiv

    esse

    olhando

    de cima. C

    omecei p

    elo fundo

    da tela, e

    u

    queria alg

    o que rem

    etesse rea

    lmente t

    erra. Foi

    quando p

    eguei bar

    ro e utiliz

    ei como t

    inta. Assi

    m

    comeou e

    ste difere

    nte proces

    so, de tra

    balhar

    caminhan

    do por ci

    ma da obr

    a. E assim

    a minha

    vida

    na arte fo

    i comean

    do a ser r

    econhecid

    a, a cada t

    ela

    produzid

    a.

    NC: Alm d

    a terra, o

    que mais u

    tiliza?

    RR: Terra

    misturad

    a a tintas

    , leo de c

    ravo, mas

    sa

    plstica, b

    icarbonat

    o de sdio

    , barro, pre

    fas e outr

    as

    substnc

    ias.

    NC: A Gale

    ria Tattica

    s pione

    ira e voc

    tem a ho

    nra

    de particip

    ar deste m

    omento.

    Como foi

    o contato

    ?

    RR: Esse a

    mbiente

    feito de a

    rtistas par

    a artistas

    .

    Um lugar

    que ren

    e criativid

    ade, profi

    ssionalism

    o, e

    agora con

    ta um espa

    o incrve

    l para ins

    pirar que

    m

    est aqui

    todos os d

    ias e tam

    bm que

    m visita.

    A

    ideia ino

    vadora.

    E voc, tem

    alguma g

    aleria?

    RR: Tenho

    uma loja

    de artes e

    m Curitib

    a, onde te

    mos

    diversas e

    xposies

    . o luga

    r em que

    , ao lado d

    e

    outros ar

    tistas, so

    desenvol

    vidas as m

    inhas tela

    s.

    Sempre e

    m parceri

    a, pois ac

    redito qu

    e todos po

    dem

    acrescent

    ar.

    Sobre a a

    rte

    Terra mist

    urada a t

    intas, leo

    de

    cravo, mas

    sa plstic

    a, bicarbo

    nato

    de sdio, b

    arro, pref

    as e outr

    as

    substnc

    ias. A Soci

    edade dos

    Pintores d

    o ngulo

    Inslito, d

    a

    qual faz p

    arte Retta

    Rettamo

    zo,

    mescla to

    dos esses

    elemento

    s

    e forma o

    bras sobr

    e os cen

    rios

    menos pr

    ovveis. T

    ambm f

    azem

    parte do p

    rojeto Da

    niela Albu

    -

    querque,

    Patrick Al

    buquerqu

    e,

    Rafaelo d

    e Ges, O

    dcio Adri

    ano e

    Carla Rett

    amozzo. A

    travs de

    tons

    de um m

    arrom que

    emerge d

    o

    solo para

    ocupar no

    vos terren

    os,

    as obras p

    odem ser c

    onsidera-

    das verda

    deira mat

    ria-prim

    a

    sob os ps

    de seus o

    bservado

    res.

    Os quadr

    os do proj

    eto j for

    am

    expostos

    em muitas

    das gran

    des

    cidades br

    asileiras,

    como So

    Paulo e C

    uritiba, e

    agora est

    aro

    disposi

    o de que

    m visitar

    a

    galeria da

    Tatticas.

    Retta Rett

    amozo

    Outra Dim

    enso

    Entre as o

    bras do a

    rtista,

    existem a

    lgumas qu

    e esto n

    a

    exposio

    que prec

    isam ser

    vistas com

    culos 3D

    .

    Rettamoz

    o desenvo

    lveu uma

    habilidad

    e para pro

    duzir

    esta tcn

    ica onde

    utiliza um

    procedim

    ento que

    lhe permi

    te

    criar obra

    s com cara

    cterstica

    s

    nicas e

    incrveis.

    NC: Como

    faz para a

    tela se to

    rnar 3D?

    RR: A tcn

    ica princi

    pal com

    as cores. E

    para ser v

    ista precis

    a de culo

    s especiai

    s,

    utilizados

    bastante

    em propa

    ganda. S

    o

    alguns pr

    ocedimen

    tos utiliza

    dos at ch

    egar

    ao resulta

    do final. M

    as o que

    realmente

    torna a t

    ela em 3D

    o fato d

    as cores f

    rias

    estarem s

    obrepost

    as s core

    s quentes

    .

    Retta Rett

    amozo

    e De

    nise Rom

    an

    FOTOS GU

    MA MIRAN

    DA

    Visite a e

    xposio!

  • o consu

    mismo des

    enfreado.

    Sim, foi a

    busca de

    um ideal

    onde o at

    o de adqu

    irir um ob

    jeto - rou

    pas,

    acessrio

    s, etc - es

    tivessem

    ligados ao

    sentimen

    to

    de reutiliz

    ar. A parc

    eria entre

    Marthina

    Hanema

    nn e

    Naira De

    marchi su

    rgiu em m

    eados de

    2012 e j

    esto

    na 5edi

    o do even

    to, que des

    ta vez foi

    no restau

    -

    rante Baja

    Californi

    a, em Baln

    erio Cam

    bori, um

    lugar que

    incentiva

    a arte. A

    unio ent

    re gastron

    o-

    mia, pint

    ura, ms

    ica e mod

    a ficou inc

    rvel. Ns

    abri-

    mos as po

    rtas para

    todas as b

    oas ideia

    s, declara

    m

    as scias

    do local C

    orine Albe

    rti e Elisa

    Nascime

    nto.

    NC: H qu

    anto tem

    po produz

    em o Baza

    r?

    Marthina

    e Naira:

    O Bazar It

    inerante t

    eve incio

    no ano d

    e 2012, o p

    rimeiro e

    ncontro a

    conteceu

    no

    jardim da

    casa, com

    as amiga

    s fazendo

    a troca de

    peas e a

    rtigos usa

    dos. A pa

    rtir desse

    encontro,

    os

    convites c

    omearam

    a aconte

    cer para p

    ercorrer-

    mos pelo

    s bares e

    pubs de Ja

    ragu do

    Sul. Foi um

    sucesso!

    Atravs de

    artistas, d

    esigners e

    amigos,

    o

    evento fo

    i tomando

    forma e p

    roporo

    maior do

    que acred

    itvamos.

    O format

    o Itinera

    nte, com i

    sso,

    buscamo

    s realizar

    sempre e

    m lugare

    s e cidade

    s

    diferente

    s.

    NC: Como

    surgiu a

    ideia?

    M&N: Ns

    sempre t

    rabalham

    os no segm

    ento de

    vendas e

    moda. Alg

    uma cois

    a nos inc

    omodava

    . O

    consumo

    acelerad

    o, a oferta

    e produ

    o em mas

    sa.

    Discutam

    os juntas

    alternat

    ivas, pois

    tnhamos

    como exem

    plo ns m

    esmas, do

    consumo

    descar-

    tvel. E m

    uitas pess

    oas ao no

    sso redor

    , com a m

    esma

    percep

    o. O vestid

    o usado u

    ma nica

    vez, os sap

    a-

    tos comp

    rados que

    apertam

    os ps. Os

    livros lido

    s,

    os discos

    jogados,

    os acess

    rios que n

    o encant

    am

    mais. Ape

    gos sem f

    im s coi

    sas. Stop a

    nd start! I

    den-

    tificamos

    a necessid

    ade e opo

    rtunidad

    e de reun

    ir

    tudo em u

    m s luga

    r e dar vi

    da novam

    ente. E to

    da

    essa ideia

    conectad

    a a parcei

    ros que ac

    reditam n

    a

    arte de se

    r e de faz

    er diferen

    te. Todos r

    eunidos p

    ara

    somar e p

    otencializ

    ar as cren

    as do con

    sumo con

    -

    sciente. D

    esapegue

    -se de alg

    umas coi

    sas, apegu

    e-se

    por outras

    .

    Bazar Itin

    erante

    Sobre o B

    azar

    O olhar do

    Bazar Itin

    erante

    voltado

    para artis

    tas e de-

    signers da

    regio. C

    om isso,

    seleciona

    m produt

    os exclu-

    sivos, trab

    alhos ma

    nuais e

    produe

    s diferenc

    iadas.

    Vale todo

    o tipo de

    criao e

    arte. O ob

    jetivo u

    nir essa

    diversidad

    e, conect

    ando

    criador e

    consumid

    or. Nesta

    5 edio

    foram 27 e

    xposi-

    tores com

    stands ex

    clu-

    sivos e ma

    is: stands

    com

    participa

    es de pr

    ojetos

    beneficen

    tes, expos

    ies de

    artes visu

    ais (fotog

    rafia e

    ilustrae

    s), atrae

    s

    musicais

    e espet

    culos de

    teatro lam

    be-lambe

    . Alm

    do Palco D

    esemboca

    , palco

    aberto pa

    ra o pbl

    ico.

    NC: Como

    foi a prim

    eira

    edio rea

    lizada no

    Baja?

    M&N: O B

    aja um

    lugar

    muito esp

    ecial. As a

    migas

    Elisa e Co

    rine nos r

    ece-

    beram de

    braos ab

    ertos,

    acreditand

    o na prop

    osta

    e objetivo

    do event

    o. O

    restauran

    te est be

    m

    localizado

    e propor

    ciona

    ao fluxo

    de pessoa

    s da rua

    e praia a c

    onhecer c

    oisas

    diferente

    s e exclus

    ivas.

    A sinergia

    incrvel

    e a

    animao

    de ns qu

    atro,

    juntas, s

    comeou.

    Naira De

    marchi

    e M

    arthina

    Haneman

    n

    Balduino M

    eneghelli (

    Badabaue)

    e

    Danubia

    Janer (Cli

    che Home)^

    ^

  • 22

    O trao da artista plstica Fabiana Langaro Loos a

    sua principal caracterstica. Na exposio De flor

    em flor feita especialmente para o espao cultural

    do Balnerio Cambori Shopping, entre os dias 13 e

    26 de maio, est em evidncia o abstracionismo. A

    exposio conta com 12 obras inditas, em tamanho

    diversos, porm, todas de pequenas dimenses, em

    acrlica sobre tela, mista sobre tela e acrlica sobre

    eucatex.NC: Como foi escolhido o tema?

    Fabiana L. Loos: Em maio comemorado o ms das

    noivas e o dia das mes, alm de se apr

Recommended

View more >