SISTEMA NERVOSO. Os nervos que levam informações da periferia do corpo para o SNC são os nervos sensoriais (nervos aferentes ou nervos sensitivos),

  • Published on
    18-Apr-2015

  • View
    128

  • Download
    18

Embed Size (px)

Transcript

  • Slide 1
  • SISTEMA NERVOSO
  • Slide 2
  • Slide 3
  • Slide 4
  • Slide 5
  • Slide 6
  • Slide 7
  • Slide 8
  • Slide 9
  • Os nervos que levam informaes da periferia do corpo para o SNC so os nervos sensoriais (nervos aferentes ou nervos sensitivos), que so formados por prolongamentos de neurnios sensoriais (centrpetos). Aqueles que transmitem impulsos do SNC para os msculos ou glndulas so nervos motores ou eferentes, feixe de axnios de neurnios motores (centrfugos). Existem ainda os nervos mistos, formados por axnios de neurnios sensoriais e por neurnios motores
  • Slide 10
  • Slide 11
  • Do encfalo partem doze pares de nervos cranianos. Trs deles so exclusivamente sensoriais, cinco so motores e os quatro restantes so mistos.
  • Slide 12
  • NERVOS CRANIANOS
  • Slide 13
  • Os 31 pares de nervos raquidianos que saem da medula relacionam-se com os msculos esquelticos. Eles se formam a partir de duas razes que saem lateralmente da medula: a raiz posterior ou dorsal, que sensitiva, e a raiz anterior ou ventral, que motora. Essas razes se unem logo aps sarem da medula. Desse modo, os nervos raquidianos so todos mistos. Os corpos dos neurnios que formam as fibras sensitivas dos nervos sensitivos situam-se prximo medula, porm fora dela, reunindo-se em estruturas especiais chamadas gnglios espinhais. Os corpos celulares dos neurnios que formam as fibras motoras localizam-se na medula.
  • Slide 14
  • nervos raquidianos oito pares de nervos cervicais; doze pares de nervos dorsais; cinco pares de nervos lombares; seis pares de nervos sagrados ou sacrais.
  • Slide 15
  • Slide 16
  • Slide 17
  • Slide 18
  • O conjunto de nervos cranianos e raquidianos forma o sistema nervoso perifrico. Com base na sua estrutura e funo, o sistema nervoso perifrico pode ainda subdividir-se em duas partes: o sistema nervoso somtico e o sistema nervoso autnomo ou de vida vegetativa.
  • Slide 19
  • As aes voluntrias resultam da contrao de msculos estriados esquelticos, que esto sob o controle do sistema nervoso perifrico voluntrio ou somtico. J as aes involuntrias resultam da contrao das musculaturas lisa e cardaca, controladas pelo sistema nervoso perifrico autnomo, tambm chamado involuntrio ou visceral.
  • Slide 20
  • Slide 21
  • Slide 22
  • O SNP Voluntrio ou Somtico tem por funo reagir a estmulos provenientes do ambiente externo. Ele constitudo por fibras motoras que conduzem impulsos do sistema nervoso central aos msculos esquelticos. O corpo celular de uma fibra motora do SNP voluntrio fica localizado dentro do SNC e o axnio vai diretamente do encfalo ou da medula at o rgo que inerva.
  • Slide 23
  • O SNP Autnomo ou Visceral, como o prprio nome diz, funciona independentemente de nossa vontade e tem por funo regular o ambiente interno do corpo, controlando a atividade dos sistemas digestrio, cardiovascular, excretor e endcrino. Ele contm fibras nervosas que conduzem impulsos do sistema nervoso central aos msculos lisos das vsceras e musculatura do corao. Um nervo motor do SNP autnomo difere de um nervo motor do SNP voluntrio pelo fato de conter dois tipos de neurnios, um neurnio pr- ganglionar e outro ps-ganglionar. O corpo celular do neurnio pr-ganglionar fica localizado dentro do SNC e seu axnio vai at um gnglio, onde o impulso nervoso transmitido sinapticamente ao neurnio ps-ganglionar. O corpo celular do neurnio ps- ganglionar fica no interior do gnglio nervoso e seu axnio conduz o estmulo nervoso at o rgo efetuador, que pode ser um msculo liso ou cardaco.
  • Slide 24
  • O sistema nervoso autnomo compe-se de trs partes: Dois ramos nervosos situados ao lado da coluna vertebral. Esses ramos so formados por pequenas dilataes denominadas gnglios, num total de 23 pares. Um conjunto de nervos que liga os gnglios nervosos aos diversos rgos de nutrio, como o estmago, o corao e os pulmes. Um conjunto de nervos comunicantes que ligam os gnglios aos nervos raquidianos, fazendo com que os sistema autnomo no seja totalmente independente do sistema nervoso cefalorraquidiano.
  • Slide 25
  • O SNP autnomo simptico, de modo geral, estimula aes que mobilizam energia, permitindo ao organismo responder a situaes de estresse. Por exemplo, o sistema simptico responsvel pela acelerao dos batimentos cardacos, pelo aumento da presso arterial, da concentrao de acar no sangue e pela ativao do metabolismo geral do corpo. J o SNP autnomo parassimptico estimula principalmente atividades relaxantes, como as redues do ritmo cardaco e da presso arterial, entre outras.
  • Slide 26
  • Slide 27
  • Uma das principais diferenas entre os nervos simpticos e parassimpticos que as fibras ps- ganglionares dos dois sistemas normalmente secretam diferentes hormnios. O hormnio secretado pelos neurnios ps-ganglionares do sistema nervoso parassimptico a acetilcolina, razo pela qual esses neurnios so chamados colinrgicos. Os neurnios ps-ganglionares do sistema nervoso simptico secretam principalmente noradrenalina, razo por que a maioria deles chamada neurnios adrenrgicos. As fibras adrenrgicas ligam o sistema nervoso central glndula suprarrenal, promovendo aumento da secreo de adrenalina, hormnio que produz a resposta de "luta ou fuga" em situaes de stress. A acetilcolina e a noradrenalina tm a capacidade de excitar alguns rgos e inibir outros, de maneira antagnica.