TIRAS DE OXIDASE - Interlab - Distribuidora de Produtos ... ?· TIRAS DE OXIDASE 1. FINALIDADE Auxiliar…

  • Published on
    11-Nov-2018

  • View
    212

  • Download
    0

Embed Size (px)

Transcript

<ul><li><p>TIRAS DE OXIDASE</p><p>1. FINALIDADEAuxiliar no processo de identificao de BGN (Bacilos Gram Negativos) no fermentadores da glicose. Outro uso no processo de identificao bioqumica de Neisseria. Quando no uso do Bactray, direciona qual o sistema a ser utilizado.</p><p>2. INTRODUO Para se executar a triagem dos BGN no fermentadores da glicose recomenda-se a pesquisa da oxidase, visto que algumas bactrias utilizam este acar pela via oxidativa. Convm rotineiramente se aplicar a pesquisa da oxidase principalmente aos BGN lactose negativos. No caso das bactrias do gnero Neisseria, estas so consideradas oxidase positivas.</p><p>3. AMOSTRAoColnias recm-isoladas de BGN (18-24h de cultura a 35-37 C) ou de diplococos </p><p>gram negativos. O usurio deve estabelecer critrios de obteno, armazenamento e rejeio de amostras.</p><p>4. INFORMAES GERAIS SOBRE O PRODUTOa- Registro no Ministrio da Sade: 100.970.10109</p><p>b- Princpio de TcnicaReao qumica de deteco da produo de indofenol (citocromo-oxidase).</p><p>c- ReagentesTiras de papel absorvente impregnadas com p-fenilenodiamina, acondicionadas em frasco escuro e opaco contendo agente dessecante.</p><p>d- Armazenamento e estabilidadePara fins de transporte o produto pode permanecer at 3 dias em temperatura </p><p>oambiente. No laboratrio deve ser mantido em geladeira (2-8 C) aonde permanece estvel at a data de vencimento expressa em rtulo desde que isento de umidade (por esta razo guardar sempre o frasco bem fechado) ou contaminao qumica e microbiana. Proteger contra a ao da luz.</p><p>e- Precaues e cuidados especiais- O produto destina-se exclusivamente ao uso diagnstico in vitro;- Utilizar apenas ala bacteriolgica em platina, pois outros metais oxidveis podem interferir na reao; o ideal o uso de palitos em madeira ou plstico estreis, visto que h casos em que excesso de fuligem presente na ala pode causar interferncia na reao;- Caso as tiras apresentem sinais de deteriorao como alterao na cor original ou umidade, descartar imediatamente seu uso;- No se deve usar materiais com o prazo de validade expirado, ou que apresentem selo de qualidade rompido ou violado;- Tempos de leitura superiores a 2 minutos podem originar resultados falsamente positivos pela oxidao ou exposio luz (o reagente extremamente sensvel a ao da luz, que provoca seu escurecimento).</p></li><li><p>5. MATERIAIS E EQUIPAMENTOS NECESSRIOS (porm no fornecidos)- Bico de Bunsen;- Ala bacteriolgica em platina (cd. LB 570658) ou plstico; palitos em madeira (ou plstico) estreis.</p><p>6. PROCEDIMENTO TCNICOa- Deixar que o frasco contendo as tiras adquira a temperatura ambiente antes de ser aberto;b- Trabalhando prximo chama abrir o frasco e com o auxlio de uma pina em ao inoxidvel retirar uma tira que ser colocada sobre uma lmina de microscpio limpa e seca; fechar imediatamente o frasco e retornar geladeira;c- Usando uma ala bacteriolgica em platina (ou idealmente usando-se um palito de madeira ou plstico estril) transferir assepticamente uma ou duas colnias da bactria em anlise e emulsionar sobre a superfcie da tira;d- Observar o resultado em at 2 minutos: o desenvolvimento de uma colorao violeta caracteriza a prova da oxidase positiva.</p><p>7. CONTROLE DA QUALIDADEPara avaliar a qualidade do produto testar o mesmo frente a cepas de controle (ATCC ou derivada) de E. coli que dever fornecer resultado negativo e frente a uma cepa de P. aeruginosa que dever fornecer resultado positivo. Na ocorrncia de resultados anormais, no liberar os resultados at que sejam esclarecidas as causas do problema.</p><p>A Laborclin obedece o disposto na Lei 8.078/90 - Cdigo de Defesa do Consumidor. Para que o produto apresente seu melhor desempenho, necessrio :- que o usurio conhea e siga rigorosamente o presente procedimento tcnico;- que os materiais estejam sendo armazenados nas condies indicadas;- que os equipamentos e demais acessrios necessrios estejam em boas condies de uso , manuteno e limpeza.Antes de ser liberado para venda, cada lote do produto submetido a testes especficos, que so repetidos periodicamente at a data de vencimento expressa em rtulo. Os certificados de anlise de cada lote podem ser solicitados junto ao SAC - Servio de Assessoria ao Cliente, bem como em caso de dvidas ou quaisquer problemas de origem tcnica, atravs do telefone 0800-410027. Quaisquer problemas que inviabilizem uma boa resposta do produto, que tenham ocorrido comprovadamente por falha da Laborclin sero resolvidos sem nus ao cliente, conforme o disposto em lei.</p><p>9. REFERNCIAS BIBLIOGRFICAS-Borchardt, K. Simplified method for identification of enteric and other Gram negative bacteria using reagent-impregnated strips. Amer. J. Clin. Path., 49:748-750, 1968.- Ewing, W.H. Enterobacteriaceae: Biochemical methods for group differentiation. U.S. Public Health Service Publications 734, 1962.- Glandleman, A.L. and Mann, P.H. An evalution of reagent-impregnated paper strips for use in the process of identifying certain species of clinically important bacteria. Curr. Ther. RES., 7:130-138.</p><p>8. GARANTIA DA QUALIDADE</p><p>LABORCLIN PRODUTOS PARA LABORATRIOS Ltda.Rua Cassemiro de Abreu, 521 Pinhais/PR - CEP. 83.321-210CNPJ: 76.619.113/0001-31 - Insc. Est.: 13700129-26Resp. Tc. : Elisa H. Uemura CRFPR 4311www.laborclin.com.brINDSTRIA BRASILEIRA</p><p>SERVIO DEASSESSORIA AOCLIENTE 0800-410027sac@laborclin.com.br</p><p>LB 170728 - 700 - Rev. 04 - 05/03</p></li></ul>