Trecho do livro "As escolhas de Warren Buffett"

  • Published on
    29-Mar-2016

  • View
    214

  • Download
    1

Embed Size (px)

DESCRIPTION

 

Transcript

<ul><li><p>9Introduo</p><p>Nesses tempos to turbulentos, achamos que o melhor seria comear com uma citao de Warren Buffett na poca da recesso de 19901991:</p><p>Entretanto, temores de um desastre imobilirio na Califrnia semelhante ao da Nova Inglaterra fizeram o preo da ao do Wells Fargo cair quase 50% em poucos meses durante 1990. Embora tivssemos comprado algumas aes pelos preos predominantes antes da queda, recebemos bem o declnio porque ele nos permitiu adquirir muito mais aes pelos novos preos de pnico.Investidores que pretendem ser compradores contnuos de investimentos ao longo da vida devem adotar uma atitude semelhante em relao s flutuaes do mercado; em vez disso, muitos ficam ilogicamente eufricos quando o preo das aes sobe e infelizes quando cai.</p><p>Warren sempre afirmou que o momento de comprar aes quando ningum mais as quer. Na recesso de 20082009 tivemos essa oportunidade, e, para aqueles de ns que se aventuraram dentro do abismo, as recompensas foram formidveis. Ao olharmos o final de 2011 e incio de 2012, vimos de novo preos de aes com ndices preo/lucro que no vamos desde o incio </p><p>buffet2.indd 9 30/05/14 18:28</p></li><li><p>10</p><p>da dcada de 1980. A Coca Cola era negociada por dezesseis vezes o valor do lucro por ao; em 1999 era negociada a 47 vezes o valor do lucro por ao. A poderosa Wal Mart era negociada a um P/L de doze; em 2011 era negociada a um P/L de 38. A Procter &amp; Gamble era vendida a um P/L de dezesseis; em 2000 era negociada a um P/L de 29. O que isso significa?</p><p>Ao entrarmos no quinto ano do que muitos economistas chamam de a Grande Recesso, verificamos que algumas das empresas mais surpreendentes aquelas com fantsticos fatores econmicos de longo prazo operando a seu favor eram negociadas a preos e ndices preo/lucro que ofereciam aos investidores oportunidades reais de aumentar sua fortuna. No estamos falando de oportunidades de ganhos rpidos. Estamos falando de ganhar dinheiro para valer no longo prazo, com taxa composta anual de retorno em uma faixa conservadora entre 8% e 12% por dez anos. isso que o mercado nos oferece agora. O pessimismo sobre a situao bancria na Europa e o desemprego nos Estados Unidos criaram a tempestade perfeita para baixar os preos das aes e oferecer algumas grandes oportunidades aos investidores que se orientam pelo valor.</p><p>Em nosso livro Warren Buffett and the Interpretation of Financial Statements observamos as declaraes de uma companhia para descobrir se ela possui ou no o que Warren chama de vantagem competitiva duradoura, que nos mostra se uma companhia tem bons fatores econmicos de longo prazo operando a seu favor. Neste livro, examinamos apenas companhias que Warren j identificou como possuidoras de vantagem competitiva duradoura. So as companhias que ele comprou para si e para sua holding, a Berkshire Hathaway, como investimentos de longo prazo. Em decorrncia da recesso, essas companhias esto sendo de novo vendidas a preos que oferecem grandes perspectivas de crescimento em longo prazo.</p><p>buffet2.indd 10 30/05/14 18:28</p></li><li><p>11</p><p>Nossa principal preocupao consiste em mostrar como avaliar companhias, de modo que voc possa elaborar uma projeo conservadora quanto ao tipo de retorno futuro que um investimento oferece mediante seu atual preo de mercado. No mundo de Warren, medida que os preos das aes diminuem, as perspectivas de investimento aumentam. Atribuir nmeros a essas perspectivas revela se a ao uma compra atraente ou no.</p><p>Comeamos com uma breve histria da estratgia de investimento de Warren, e a seguir explicamos como interpretar o histrico do lucro por ao e do valor contbil por ao de uma companhia. Isso nos permite identificar rapidamente uma companhia com vantagem competitiva duradoura e projetar a taxa composta anual de retorno que um investimento oferece. Na sequncia analisamos de forma detalhada dezessete investimentos da atual carteira de aes de Warren, elaborando um estudo de caso e avaliando cada companhia. Tambm examinamos rapidamente os investimentos feitos por outros trs gestores de investimento da Berkshire.</p><p>Historicamente, temos motivos para acreditar que nossas projees para dez anos so acuradas sob condies de negcios normais. Mantivemos projees conservadoras ao longo de todo este livro.</p><p>No final da leitura, voc ser capaz de determinar rapidamente se uma companhia possui vantagem competitiva duradoura, e se a ao da companhia tem um preo atraente ou no.</p><p>Atualmente, a Berkshire Hathaway conta com quatro pessoas que captam aes para seu portflio. No topo est Warren Buffett, que toma 99% das decises de investimento da Berkshire. Na sequncia, Charlie Munger, que frequentemente discute investimentos com Warren e cujo entusiasmo colocou a Berkshire em alguns investimentos inusitados. H tambm os recm chegados Todd Combs, que Warren contratou em 2010 </p><p>buffet2.indd 11 30/05/14 18:28</p></li><li><p>12</p><p>para ajud lo a selecionar aes para a Berkshire, e Ted Weschler, que entrou oficialmente na Berkshire no incio de 2012 como gestor de portflio. A maior parte desta obra trata apenas das companhias nas quais Warren Buffett investiu pessoalmente e/ou decidiu que a Berkshire investiria. No final do livro, para os que tiverem curiosidade, apresentamos de forma rpida os respectivos estilos de investimento de Charlie Munger, Todd Combs e Ted Weschler e suas contribuies para a carteira da Berkshire.</p><p>Assim, sem mais demora, vamos dar incio nossa explorao do portflio de aes de Warren Buffett.</p><p>Mary Buffett &amp; David Clark</p><p>buffet2.indd 12 30/05/14 18:28</p></li><li><p>13</p><p>captulo 1</p><p>Histria e evoluo da estratgia de investimento de Warren Buffett</p><p>Entender a genialidade de Warren Buffett para investimentos no l muito difcil. Entretanto, com frequncia ela contraintuitiva s teorias de investimento e estratgias que 99% dos investidores seguem. O que h de contraintuitivo nos mtodos de Buffett? Bem, quando os outros se apressam em vender aes, Warren faz compras seletivas. A palavra chave aqui seletivas. Quando Warren compra, ele escolhe o que h de melhor companhias que possuem uma vantagem competitiva duradoura.</p><p>E, quando o mundo inteiro est contando sua riqueza depois de comprar no bull market, encontramos Warren vendendo no mercado em ascenso, consolidando uma ampla posio de caixa. Nos dois ou trs anos que compem o auge de um bull market, provvel encontrarmos Warren inativo por ali sem fazer nada , ao que parece deixando passar todo o dinheiro fcil oferecido pela aparentemente infindvel alta nos preos das aes.</p><p>De fato, no auge dos dois ltimos bull markets, os analistas de investimento da ocasio apontaram o dedo para Warren, proclamando que ele havia perdido o jeito ou estava em fim de carreira. Todavia, quando aqueles mercados enfim colapsaram, e as massas estavam se desfazendo de suas aes, quem encontramos no fundo do poo dos investimentos pegando algumas </p><p>buffet2.indd 13 30/05/14 18:28</p></li><li><p>14</p><p>das maiores companhias do mundo a preo de banana? Warren Buffett.</p><p>No princpio, a estratgia de Buffett era sair do mercado quando comeavase a chegar ao frenesi de compras, como no final da dcada de 1960. Nos ltimos anos, ele simplesmente parou de comprar quando os preos ficaram altos demais, e deixou o dinheiro acumular se na Berkshire Hathaway, esperando para tirar vantagem da inevitvel derrocada no preo das aes. O entendimento superior de Warren a respeito das foras microeconmicas que impulsionam empresas individuais lhe permite pegar futuras vencedoras no amontoado de destroos. Ele compra companhias que tm a seu favor fatores econmicos de qualidade no longo prazo. Essas empresas excepcionais rendem investimentos superiores no longo prazo, em vinte a quarenta anos.</p><p>Quando o mercado de aes colapsa, Warren compra companhias que tm bons fatores econmicos operando a seu favor companhias que ele vende quando o mercado e os preos de suas aes se recuperam. Isso lhe proporciona capital para futuros investimentos. Ele tambm investe em eventos nicos que podem em curto prazo empurrar o preo da ao de uma companhia para menos do que sua economia de longo prazo a faz valer. E ele um grande jogador no campo da arbitragem, o qual tambm gera grandes volumes de dinheiro.</p><p>A chave do sucesso de Buffett comea em ter dinheiro quando os outros no tm. A ele espera. Quando o mercado de aes est colapsando e oferecendo empresas excelentes a preo de banana, ele entra para comprar. A seguir, se fixa nas empresas realmente boas enquanto o mercado sobe, vendendo as empresas mdias e deixando o dinheiro acumular. Por fim, quando o mercado comea a se deslocar para o pico, ele deixa o rendimento excedente de dividendos e vendas de aes se acumular em sua </p><p>buffet2.indd 14 30/05/14 18:28</p></li><li><p>15</p><p>conta de caixa mantendo apenas as companhias com vantagem competitiva duradoura, que ajudaro a deix lo riqussimo no longo prazo. (Warren deixa a receita em dinheiro de todas as empresas da Berkshire se acumular. Investidores individuais deixariam o rendimento excedente obtido acumular se em sua conta remunerada.)</p><p>Warren repetiu esse ciclo muitas e muitas vezes, a ponto de possuir um enorme portflio com algumas das melhores empresas que j existiram e, no processo, tornou se a terceira pessoa mais rica do mundo.</p><p>O que este livro far por voc como investidor mostrar as companhias que Warren identificou como possuidoras de vantagem econmica no longo prazo e nas quais ele mantm investimentos. Tambm mostra como avaliar as companhias para ajudar a determinar se o preo que voc paga hoje ou em algum momento no futuro lhe proporcionar uma taxa de retorno atraente.</p><p>A evoluo de Warren:De comprador de pechinchas de curto prazo a investidor em vantagem competitiva duradoura de longo prazo</p><p>No comeo de sua carreira, Buffett foi influenciado pelo decano de Wall Street, Benjamin Graham, que desenvolveu o que hoje conhecido como investimento em valor. Originalmente, Graham era um analista de valores em busca de situaes subestimadas em ttulos. Ento comeou a aplicar suas teorias s aes comuns ele identificava empresas que julgava serem subestimadas pelo mercado de aes, comprava as e as mantinha por trs anos na esperana de que o mercado acio</p><p>buffet2.indd 15 30/05/14 18:28</p></li><li><p>16</p><p>nrio as reavaliasse para mais. Entretanto, nos crashes de 1929 e 1932, Graham foi quase destrudo. Ele permaneceu no jogo, prometendo a seus investidores reaver o dinheiro que havia perdido; no rastro da Grande Depresso, ele se viu em um campo muito frtil de companhias cujos preos das aes haviam sido dizimados, mas que estavam se recuperando.</p><p>O impacto da Grande Depresso no preo das aes foi esquecido h muito, mas o que aconteceu de 1929 a 1932 foi que o Dow Jones Industrial Average (DJIA) perdeu cerca de 88% do valor, caindo de 380 para 43. Se acontecesse hoje, veramos um declnio de 12 mil para cerca de 1,5 mil no DJIA. Esse impacto foi to poderoso no preo das aes que somente 24 anos depois em 1956 o DJIA retornou ao pico de 380 de 1929.</p><p>A queda no preo das aes de 1929 a 1932 prefigurou uma destruio da economia mundial diferente de qualquer situao que tenhamos experimentado desde ento. At mesmo empresas boas e fortes deixaram de ter demanda para seus produtos. medida que a procura caa, elas demitiam pessoal e cortavam a produo, mandando a economia ainda mais para o fundo do poo. Quando a economia comeou a melhorar, as companhias mais fortes fabricantes de produtos de marca , as que possuam algum tipo de vantagem competitiva duradoura, viram os preos de suas aes melhorarem bem mais rpido que as companhias de segunda e terceira linha. De fato, muitas dessas companhias de segunda e terceira linha empresas de menor calibre que no tinham uma vantagem competitiva duradoura no veriam uma retomada no preo de suas aes at os bull markets dos anos 1950 e 1960.</p><p>Foi nessas fileiras de empresas de segunda e terceira linha, companhias das quais a maioria dos investidores jamais ouvira falar, que Graham teve condies de realmente aplicar sua arte nas dcadas de 1930, 1940 e 1950, pois foram os preos das </p><p>buffet2.indd 16 30/05/14 18:28</p></li><li><p>17</p><p>aes dessas companhias que definharam na esteira da Grande Depresso. Foi tambm nessa segunda e terceira linha de empresas que Warren comeou a investir em pechinchas grahamnianas.</p><p>O que aconteceu foi que depois do crash do mercado acionrio de 19291932, as empresas maiores e mais fortes de primeira linha, que dispunham de vantagens competitivas duradouras, fizeram a retomada econmica de maneira mais rpida, e o mesmo aconteceu com o preo de suas aes. Mas o pblico investidor como um todo, tendo perdido uma enorme quantidade de riqueza no grande crash de 19291932, esquivou se do mercado acionrio e ficou desconfiado das empresas de segunda e terceira linha. Com o passar do tempo essas empresas ficaram melhores, e algumas se saram realmente bem, mas o preo de suas aes seguia devagar. Isso no era incomum para Graham literalmente comprar essas companhias por menos do que valiam. Embora tivessem melhorado, todo mundo as ignorava exceto aqueles como Graham. Warren viu o tipo de investimento em valor de Graham como uma oportunidade de comprar um dlar por cinquenta centavos, e o que ele fez foi comprar.</p><p>Warren praticou nesse lucrativo campo de jogo durante boa parte dos anos 1950 e 1960, labutando nas ento chamadas pink sheets, que constituam uma publicao diria (em papel cor de rosa) de cotao de aes de empresas de segunda e terceira linha negociadas em balco. Era onde Graham e Warren iam procura de pechinchas. medida que o mercado acionrio comeou a atrair de novo os investidores individuais que haviam fugido em massa durante o grande crash, at mesmo os preos das aes subestimadas de segunda e terceira linha comearam a subir. O retorno do investidor mido nos anos 1960 impulsionou os preos das aes para novos patamares, deixando Warren e seus investidores ricos.</p><p>buffet2.indd 17 30/05/14 18:28</p></li></ul>