MID - Gravura

  • Published on
    05-Jul-2015

  • View
    2.071

  • Download
    4

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Material didtico virtual sobre tcnicas de gravura. Desenvolvido na UNIVILLE.

Transcript

  • 1. Gravura Prof aElenir Morgenstern Estagirio MID: Joo A. de M. Neto Ao navegar, clique nos links em amarelo para saber mais sobre o assunto tratado. UNIVILLE Universidade de Regio de Joinville Departamento de Design

2. Histrico da Gravura

  • O homem da pr-histria j utilizava a gravura para expressar-se, registrando imagens de animais, fatos cotidianos, festas e acontecimentos.
  • Para isso, usavam sangue de animais ou pigmentos de elementos da natureza entintados nas mos e pressionados contra as paredes (como carimbos) [1].
  • Logo aps comearam a riscar formas em superfcies como ossos, barros, cascas de rvores, peles de animais, metal e pedras [2].
  • Segundo Herskovits (1986), os chineses criaram um sistema de ideogramas [3] para simbolizar o pensamento que, mais tarde, evoluiu para a escrita fontica e gerao de alfabetos. Os chineses so tambm considerados pioneiros em arte de gravura e papel.

[1] [2] [3] 1) Mo em negativo do Paleoltico Superior | 2) Gravura de Vila Nova de Foz Ca, Portugal | 3) Ideograma chins 3.

  • Afabricao do papel era constituda por gua, farrapos de seda e folhas de amoreira cozidos que adquiriam polpa de fibras. Em seguida essa poupa passava por uma peneira de bambu com uma rede de nylon, que era exposta ao ar livre para secar [4].
  • Com este processo, a impresso em massa tornou-se possvel. "O Sutra do Diamante" [5] foi o primeiro livro impresso conhecido, em 868 d. C. na China.
  • Neste perodo, a gravura era usada para confeccionar livros e cartazes, e mais tarde, como linguagem artstica [6].
  • As tcnicas de gravura chegaram ao Brasil por meio dos colonizadores portugueses e, mais tarde, foram usadas para a impresso da literatura de cordel.

[4] [5] 4) Fabricao de papel ( Wikipedia ) | 5) Sutra do Diamante | 6) Xilogravura Budda colorido, China sc X [6] Histrico da Gravura 4. Tcnicas de Gravura As tcnicas de gravura possuem um objetivo em comum: preservar a informao. Segundo Costela (1984),"gravar fazer permanecer para o futuro um significado. Seu sinnimo mais abrangente talvez seja marcar. Gravar deixar uma marca. E quem marca, marca para [...] transmitir uma informao, [...] comunicar algo." Metal Frottage Estncil Litogravura clique e saiba mais sair Xilogravura Linleo Serigrafia 5. Xilogravura De provvel origem chinesa, consiste em entalhe na madeira, exigindo o trabalho manual do artista. Inicia-se com o desenho numa prancha de madeira (matriz). Em seguida so feitas incises com goivas e formes apropriados nas reas que no devem ser impressas. Os traos do desenho so entintados. 1) Msicos (Jos Paiva,site ) | 2) O Barco (Antonio Juvenil,1992) | 3) O Passeio do Casal Improvvel (Francisco Maringelli, 2002) 6. Xilogravura 1) Os 4 Cavaleiros (Drer, 1498) | 2) Otokoyama [impresso] (Kitagawa, 1795) | 3) Orao Lunar (Lasar Segall, 1913) 7. Metal A gravura em metal pode ser executada por meio de diferentes tcnicas, sendo as principais ponta seca, gua-forte e gua-tinta. Na tcnica ponta seca, o artista faz o desenho por meio de uma ponta seca ,instrumento de metal semelhante a uma grande agulha que serve de caneta ou lpis. Risca-se, ento, uma chapa de cobre, que possui a superfcie polida, e esses traos formam sulcos, micro concavidades, de modo a reterem a tinta a ser transferida.1-2) A Morte e o Cavaleiro (Albrecht Drer, 1513) | 2) Auto retrato (Rembrandt, 1632) 8. Metal 1) Sem ttulo (Manu Maltez) | 2) Velho (Rembrandt, 1630) | 3) Trs Figuras (Lasar Segall, 1917) 9. Litogravura O desenho feito em uma pedra calcria de superfcie lisa e sem gordura, com material gorduroso. Em seguida, joga-se gua no desenho, sendo que na parte desenhada com gordura a gua repelida. Assim, as partes em branco, sem gordura, mantm-se umedecidas pela gua. Para o entintamento utilizam-se rolos de borracha.1) Sem ttulo (Ivone Couto, 1975) | 3) Junta de Bois [litografia] (Lasar Segall, 1908) | 3) Anmonas do Mar (Ernst Haeckel, 1904) 10. Litogravura 1) So Jernimo (Durer, 1514) | 3) Sem ttulo [litografia] (Carlos Pedreaes, 2008) | 3) Sem ttulo (Carlos Pedreaes, 2008) 11. Linleo Esta tcnica semelhante xilogravura, mudando apenas o suporte ao invs de madeira, usa-se o linleo (material industrial utilizado em revestimentos de piso) - e baseia-se em uma matriz de borracha. Desenvolveu-se por volta de 1920 e foi adotada por Kandinsky, Matisse e Picasso.1) Descanso (Maria Pacheco, 2005) | 2) Varal (Manuela Afonso,site )3) Dana dos Msicos (Pablo Picasso, 1959) 12. Linleo 1) Crbero (Julia Iguti, 2007) | 2) Vises (Cludia Rezende) | 3) Comadres (Maria Pacheco, 2007) 13. Frottage O papel colocado sobre o material a ser impresso, podendo constituir texturas diversas. Segura-se firmemente o papel e esfrega-se o lpis cera na posio horizontal at aparecerem todas as formas. Esta tcnica leva observao de texturas e manipulao de materiais.1) Paisagem (Steven Drevlow) | 2) Via Negativa VI (Pavlovich, 2007) | 3) Frotagem (Cris Pimenta) 14. Frottage 1) Frotagem com chinelo (Gilberto Queiroz, 2007) | 2) Matchless [tc. Mistas] (Jaboticabin) | 3) Folhas (Max Ernst, 1926) 15. Estncil Para esta tcnica emprega-se como matriz um molde vazado, delineado por corte ou perfurao em papel, papelo, metal ou outros materiais. A impresso se d por meio do molde j recortado, colocando assim, o molde sobre a superfcie a ser desenhada e em seguida pinta-se com tinta lquida ou spray.1) Barcode Leopard (Bansky) | 2) Sem ttulo ( Faile de Londres) | 3) Sem ttulo (Rodrigo Obanco) 16. Estncil 1) Rat & Girl (Bansky) | 2) Bart (Bansky) | 3) Sem ttulo [tc. mistas] (Os Gmeos) 17. Serigrafia A tcnica de serigrafia artesanal consiste em transferir uma imagem feita em molde vazado, com auxlio de uma tela de seda, possibilitando a impresso de vrias cores. A impresso neste processo realizada por meio de um puxador de madeira e borracha, conservando a presso das mos, de maneira a sentir o contato com a base. Ao passar atravs das partes vazadas na tela, a tinta se reproduz na superfcie escolhida e as partes vedadas no permitem reproduo.1) Pavo (Angelina Camelo) | 2 e 3) Projeto de Extenso Girassol Gerao de Renda (Dep. Design UNIVILLE) 18. Serigrafia 1) Sem ttulo (Aldemir Martins, 2002) | 2) Namorados I (Inos Coradin) | 3) Pssaro (Veragua) 19. Silk Screen Segundo Ribeiro (1987), o processo silk screen ( screen process printing ) definido como industrializado e comercial. O silk screen pode tambm estampar com facilidade superfcies curvas, como garrafas e pratos, utilizando-se quadros flexveis e pistolas de pintura. H tambm a tcnica detransfer , que a transferncia de um desenho impresso em papel especial atravs de uma pequena prensa ou ferro de passar para um suporte (geralmente camisetas).1) Mquina de Silk Screen chinesa | 2) Candy Jar (Guanquan Ltd.) | 3) Produtos da camisetaria Alfa Promocionais ( site ) [transfer] 20. Silk Screen 1) Estampas Camisetaria.com ( site ) [transfer] | 2) Rtulos Coca-Cola [silk screen industrial] 21. Proposta de Trabalho

  • tcnicas de gravura

22. Proposta de Trabalho Escreva um breve resumo com o passo-a-passo de cada uma das tcnicas de gravura estudadas. Esquematize em tpicos ou em outro padro que considerar adequado. CAMARGO, Iber.A gravura .Porto Alegre: Sagra-DC Luzzatto, 1992. 85 p.CAZA, Michel.Tecnicas de serigrafia .Barcelona: Blume, 1967. 356 p MORGENSTERN, Elenir Carmen.Gravura na UNIVILLE . Joinville, 2007. RIBEIRO, Elsio Gomes.Como iniciar uma estamparia em silk-screen .3. ed. Rio de Janeiro: CNI/DAMPI, 1987. 90 p.Referncias Bibliogrficas