Projeto cuidando da vida

  • Published on
    22-Jun-2015

  • View
    474

  • Download
    1

Embed Size (px)

DESCRIPTION

Projeto que est sendo permanentemente desenvolvido na EMEF Irm Maria Catarina, de forma interdisciplinar, envolvendo toda a comunidade escolar.

Transcript

<ul><li> 1. ESCOLA MUNICIPAL DE ENSINO FUNDAMENTAL IRM MARIA CATARINA</li></ul> <p> 2. PROJETO CUIDANDO DAVIDA 3. OBJETIVO GERAL Conscientizar a comunidade escolar sobre a importncia dos cuidados com a prpria vida, com a vida do outro e com a vida do planeta. 4. </p> <ul><li>OBJETIVOS ESPECFICOS </li></ul> <ul><li>Proporcionar espaos de ao e de reflexo sistemticos sobre o tema das drogas lcitas e ilcitas; </li></ul> <ul><li>Mobilizar famlias, escola e toda a comunidade na busca de solues para o problema da dengue; </li></ul> <ul><li>Proporcionar aes de coleta de pilhas e baterias usadas e de leo de cozinha usado; </li></ul> <ul><li>Incentivar os alunos a realizarem tarefas escolares sobre os direitos da criana e do adolescente, especialmente sobre trabalho infantil; </li></ul> <ul><li>Desenvolver propostasde preveno ao bullying, promovendo a cidadania e a tolerncia com a diferena na escola; </li></ul> <ul><li>Divulgar as aprendizagens que esto sendo construdas nos diferentes meios e espaos de comunicao. </li></ul> <p> 5. METODOLOGIA As atividades sero desenvolvidas em forma de projetos multidisciplinares, envolvendo diferentes grupos de trabalho (pais, professores, alunos, funcionrios, comunidade). A coletividade na construo dessas aes permite o envolvimento efetivo de todos na execuo dos projetos. 6. </p> <ul><li>RECURSOS NECESSRIOS </li></ul> <ul><li>livros, jornais, revistas e peridicos para pesquisa sobreo assunto; </li></ul> <ul><li>folhas de ofcio; </li></ul> <ul><li>laboratrio de informtica da escola; </li></ul> <ul><li>TV, DVD, CDs e DVDs para gravao; </li></ul> <ul><li>mquina fotogrfica digital; </li></ul> <ul><li>projetor; </li></ul> <ul><li>telo; </li></ul> <ul><li>notebook; </li></ul> <ul><li>cartuchos de tinta para impresso; </li></ul> <ul><li>cartolinas, tesouras, colas e papis coloridos; </li></ul> <ul><li>recipiente adequado para coletar pilhas que sero recolhidas; </li></ul> <p> 7. </p> <ul><li>auxlio dos meios de comunicao da cidade na divulgao do projeto; </li></ul> <ul><li>verbas para impresso do folder e para a confeco de faixas divulgando o projeto; </li></ul> <ul><li>verba para a confeco das camisetas do projeto; </li></ul> <ul><li>patrocnio de instituies, entidades e empresas locais para o custeio do projeto. </li></ul> <ul><li>cartolinas, tesouras, colas e papis coloridos; </li></ul> <ul><li>verba para transporte dos alunosa sede do grupo Amigos do Meio Ambiente; </li></ul> <ul><li>verbasparticipar de eventos relacionados aos cuidados com o meio ambiente (Maio Ambiental,Caminho das guas, palestras...). </li></ul> <ul><li>recipientes para a fabricao do sabo caseiro; </li></ul> <ul><li>ingredientes para o preparo o sabo caseiro; </li></ul> <ul><li>materiais e meios de comunicao para divulgao do projeto. </li></ul> <p> 8. AVALIAOEspera-se, ao desenvolver este projeto, que todos os envolvidos tenham um olhar crtico e reflexivo a respeito dos temas trabalhados e que esse movimentoleve a aes concretas, proporcionando o convvio em sociedadede forma harmnica, respeitando a si prprio e tudo o que diz respeito ao ecossistema. 9. Os ventos que s vezes tiram algo que amamosso os mesmos que nos trazem algo que aprendemos a amar. Por isso, no devemos chorar pelo que nos foi tirado e sim aprender a amar o que nos foi dado. Tudo aquilo que realmente nosso nunca se vai para sempre. Autor desconhecido</p>