Quem Não Reflete, Não Se Transforma! - Parte 2

  • Published on
    21-May-2015

  • View
    255

  • Download
    1

Embed Size (px)

Transcript

  • 1. [email_address] QUEMNOREFLETE...NOSETRANSFORMA!

2. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br PARTE2 No implica em separao de temas 3. Queridos amigos Esteum mimoque elaboreis pessoasquenosso queridas.Vocs esto entre elas.Sofrasesqueexprimemo nosso pensarnestemomento.Temosapretenso de que elasse tornemparavocum Roteiro de Reflexes.Agradeo desde j as crticas, correes e sugestes. Elas sero bem vindas.Ao longo da caminhada em busca derespostas aos nossos anseios, muitos conceitose valores mudaram e continuam mudando em nossa vida.Ns mudamos e esperamos continuar abertos s mudanas.Percebemosquemuitasdas coisas que no compreendamos,noeraapenaspor faltade dados,masprincipalmenteporestarmos presos aosconceitosevalores quepossuamos poca.A fixaoemverdadesestabelecidas,dificultamaaberturaecompreensodonovo.Poressa razo,procuramosestar sempreabertosaonovoesobreeleRefletir.Se nos convencer mudamos, caso contrrio,reafirmamosnossasconvices. Assim como qualquer pessoa, euevoc s podemosraciocinarcomos dadosquetemos.Com eles,lemos e interpretamos osacontecimentos.Compreendemosounoosfenmenos.Enfrentamosou noosdesafiosda vida.Estaremosabertosao novo ou enclausurados emnossosprincpiosfundamentalistas etc., etc. 4. Dessa forma, a compreensoeentendimentosnossasexpressesseroas mais dsparespossveis.Muitas delasso subjetivas,por issomesmocarecemde sua reflexoparaquese forme o seu pensar.A discordncia,longe de ser agressiva,pode ser saudvel e suscitar onovo.Daporqueinsistimosemtentar estimular sua reflexo pessoal.Asinformaessonecessriasepodemprovocarmudanas,entretanto,astransformaessocorrerose houver Reflexo. Tenho a convico de que conhecemos muito pouco a respeito de ns mesmos. Opoucoquepensosaberqueropartilharcomvocs,nocomoumpensaracabadoepronto,mascomoalgoaserconstrudocomsuaparticipao .Quem no Reflete, no se Transforma! Abraos, Prof. Breda.2009Obs.- As frases de outros autores esto nominadas.No tenho nenhum interesse financeiro nesta obra.Podes reproduzi-la, distribu-la e ou utiliz-la como desejar, exceto comercializ-la. QUEM NO REFLETE...NO SE TRANSFORMA! Substitui, o ttulo anterior: QUEM NO REFLETE... NO MUDA !Asmudanasso susceptveis de acontecer pela fora, pelo exerccio do poder, pelas coaes...etc.Astransformaes ,entretanto, s ocorrem pela Conscientizao. Esta, s pela Reflexo.A Flor de Lis um smbolo com muitas significaes e interpretaes. Usamo-la para expressar ocontraditrio, as mltiplas facetas da realidade, a possibilidade de rumos diversos, a simetria e o equilbrio...Este trabalho foi elaborado para ser usado exclusivamente em computadores.Ao clicar sobre as Mensagens Parte ... aguarde algum tempo para carregar as imagens. Algumas fotos foram ofertadas por Emerson Rossi (Foto Viso) as demais por Adriana, Patricia e Rodrigo...As msicas so de diversos autores extradas da Internet (Andr Rieu, Veronezzi, Collection Deutsche Grammophon...) 5. O dia em que Deus couber emminha cabea,eu serei Deus.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 6. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br claro que potencialmenteDeus pode tudo, mas nuncapoder deixar de amar.O Amor s pode amar. 7. A orao a autorizaopara que Deus interfiraem minha vida.Ele no atua se eu no quiser. Respeita a minha deciso.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 8. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Muitos potenciais foram obstaculizados em seu desenvolvimento e por vezes castrados por pura ignorncia dos que convivem com o educando. 9. No por queeu desconheoas conseqnciasdo meu agir, que elas deixaro de acontecer.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 10. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Tantoo paternalismo que prov tudo, como a tirania que decide tudo,so desastrososna formaodo ser humano. 11. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br A Verdade no o que cada qual pensa.Ela o que ! 12. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br preciso lutar contraas fantasias e aprendera enfrentar a realidadetal qual .Para isso preciso quenos desarmemos em relaoao diferente e ao novo.Deixemos de lado, nossos medos e preconceitos. 13. As limitaes da natureza humana e o desejo de ter segurana pelo domniodas situaes e das pessoas que produz a tentativa humana de querer igualar, nivelar, uniformizare padronizar.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 14. uma atitude desumana pretender padronizaro comportamento humano de acordo com os desejos, interessese convenincias da autoridade pessoalou institucional.As individualidades no so consideradas.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 15. Quem gosta mima.Quem ama Educa.A criana mimada, ou seja, com todos os desejos satisfeitos,tem e ter muitasdificuldades de relacionamento.Tende a se tornar umpoo de problemas, tantosob o ponto de vista pessoal quanto social.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 16. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Antes de tentar saber como vamos fazer, deveramos tentar compreenderos fundamentos do porque fazer.Com a compreenso dos fundamentos, sem dvida encontraremosas mais variadas formas de como fazer. 17. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br A Escolha definida pelos sentimentos ou sensaes.A Deciso envolve o homem todo.No prescinde do uso da Inteligncia, mas depende fundamentalmenteda Educao da Vontade. 18. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Geralmente, a buscadobom individualista,tem um vis egosta,visa os prprios interesses.Obem ,mesmo que pessoal, repercute positivamenteno social. 19. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br A Escolha tende fantasia.A Deciso tende realidade. 20. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Decidir,requermaturidade. 21. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Os critrios para a Escolhaesto inexoravelmente ligadosao que se julga serbom .A Deciso tende aobem , porm, no de forma determinada.Nem tudo que bom, bem. 22. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Quando minha verdadesubjetiva no corresponder verdade objetiva, inexoravelmente vir a frustrao. 23. O Homem pode, potencialmente, no querer aderir Verdade, entretanto, acho muito difcilque algum a rejeite se elafor apresentada de forma substancial.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 24. A Vontade tem o Bemcomo seu objeto prprio.Nossa Vontade vocacionada ao Bem, no determinada.O Homem pode rejeitar o Bemse assim o decidir.DEUS respeitaro decidir do Homem.Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br 25. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br O rumo e o sentidoque dou a minha vida depende de minhas decises.Esta a razo pela qual a Deciso o ato humano mais importante. 26. Nosso objetivo suscitar sua reflexo pessoal. As frasesexpressam o nosso pensar, mas, as resultantesde sua reflexo, sero o seu pensar .- Prof. Breda -bredaja@uol.com.br Se eu no aderir Verdade,vou quebrar a cara ! 27. As incertezas criam inseguranas e medos.O padro cria uma segurana psicolgica, pois define o caminhoque se deve seguirsem a responsabilidadedas conseqncias.Nosso objetivo suscitar s